PMJP e Seja Digital formam parceria para distribuição gratuita de kits de conversores digitais de televisão

Por Adriana Crisanto - em 544

Secretários da Prefeitura Municipal de João Pessoa e Entidade Administradora da Digitalização de Canais de TV e RTV (EAD), por meio da Seja Digital, estiveram reunidos na tarde desta quarta-feira (10), na sala de convenções da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes para discutir e planejar estratégias de divulgação e distribuição dos 89.576 kits de conversão de televisão digital, que serão doados gratuitamente para a  população de baixa renda de João Pessoa, cadastrada em programas sociais do Governo Federal.

A EAD, instituição responsável por operacionalizar a migração do sinal analógico para o sinal digital da televisão no Brasil, por determinação da Anatel, está realizando parcerias com as prefeituras municipais de vários Estados. Em João Pessoa, essa distribuição de kits conversores será no período de fevereiro a maio de 2018, com datas fixas que ainda serão divulgadas.

“A ação é uma boa iniciativa para assegurar a permanência do acesso à programação da televisão digital para todos”, assegurou o chefe de gabinete da PMJP, Hildevânio Macedo. A lista de beneficiários dos kits conversores é fornecida pelo Ministério do Desenvolvimento Social para que a Seja Digital informe ao público por meio de cartas e campanhas de comunicação para que possam entrar em contato e agendar a retirada dos equipamentos.

Para saber se seu nome está na lista fornecida pelo Ministério do Desenvolvimento Social ou se o agendamento já está liberado em sua região, o beneficiário deve acessar o site sejadigital.com.br/kit ou ligar gratuitamente para 147 com o CPF ou NIS (Número de Identificação Social) fornecido pelo Ministério do Desenvolvimento Social em mãos.

O desligamento do sinal analógico de TV em João Pessoa, como vem sendo divulgado na grande imprensa, acontecerá em maio de 2018. Quando o sinal analógico de televisão for desligado, os canais abertos de televisão serão transmitidos apenas pelo sinal digital. Para continuar assistindo à programação, é preciso ter uma antena UHF e um aparelho de televisão preparado para receber o sinal digital.

Nesta primeira reunião os operadores locais da Seja Digital fizeram uma rápida apresentação das ações que serão desenvolvidas no município a partir de fevereiro deste ano.

Também foram pensadas outras estratégias de divulgação junto as Secretarias de Desenvolvimento Social (Sedes), Educação e Cultura (Sedec), Saúde, Secitec, Funjope e Gabinete do Prefeito. Um segundo encontro está programado para acontecer no dia 30 de janeiro de 2018. Na oportunidade, representantes de associações, agentes de saúde, diretores de escolas e demais veículos de comunicação serão convidados a participarem da reunião.

Dentre as estratégias de divulgação elencadas pelos secretários e pelos operadores locais, está à criação de pontos de apoio nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), nas Escolas, Feiras, Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Sede do Programa Bolsa Família e na Secretaria de Desenvolvimento Humano para que a população possa tirar dúvidas sobre o processo de desligamento do sinal analógico e agendamento para a retirada dos kits na Agência dos Correios da cidade.

Uma solenidade de assinatura do termo entre a PMJP e a Seja Digital está prevista para o dia 18 de janeiro de 2018, em local ainda a ser definido.