PMJP finaliza obras de galpão do Mercado Central

Por - em 63

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) finalizou as obras de construção do galpão II do Mercado Central e os 64 novos boxes já estão à disposição dos comerciantes cadastrados pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedurb). Os comerciantes estão em fase final de instalação dos equipamentos e a expectativa é que na primeira semana do mês de novembro as atividades comerciais do local tenham início.

Durante esta semana os comerciantes farão reuniões com representantes da Sedurb para definir a data exata do funcionamento. No galpão II serão comercializados frios, peixes e aves e a proximidade do início das atividades anima os comerciantes. O proprietário de um dos boxes, Evanildo Pereira, revela que está correndo com os preparativos finais. “Falta à questão da energia elétrica e chegar os últimos equipamentos, mas estou muito empolgado em começar a vender peixes aqui e oferecer mais higiene e qualidade de serviço aos clientes”, revelou.

A obra de construção do Galpão II faz parte do programa de requalificação do mercado que teve início em 2006. A obra possibilitou que o espaço ficasse mais aberto para a circulação dos usuários e dos comerciantes. Além dos proprietários dos boxes, os usuários também aprovam a iniciativa e destacam a higiene como um dos principais benefícios. “Não era muito confortável comprar nas antigas instalações porque você não via muita higiene. Acredito que nos novos boxes tudo ficará mais limpo e atrairá mais pessoas”, afirma o ajudante de obras, Valter Araújo.

Para atender às expectativas dos novos clientes com o galpão II totalmente modificado, a PMJP também aposta na qualificação dos comerciantes. Para isto, estão disponíveis cursos de capacitação promovidos pela Vigilância Sanitária, Empreender e Sebrae, em que os comerciantes recebem orientações sobre como manusear corretamente os alimentos vendidos.

Investimentos – Após a inauguração do galpão II, restará mais uma etapa da requalificação do Mercado Central, que será o galpão III. Até o momento, o custo total da reforma já ultrapassa a quantia de R$8 milhões (exatos R$8.671.635,69) e mais de 70% do investimento já foi licitado. Com a conclusão da reforma, prevista para 2012, mais de mil e duzentos comerciantes serão contemplados com novos boxes.