PMJP inaugura 29ª Estação Digital e anuncia novos telecentros

Por - em 24

Com muita festa e anunciando benefícios para a comunidade, a Prefeitura de João Pessoa (PMJP), por meio da Secretaria de Ciência e Tecnologia (Secitec), inaugurou na noite desta quarta-feira (11) a 29ª Estação Digital da Capital, localizada do Centro de Referência para Inclusão Social e Produtiva da Comunidade Maria de Nazaré, no bairro Funcionários II.

Durante a solenidade o prefeito Luciano Agra anunciou que a gestão municipal, numa parceria com o Ministério das Comunicações, irá implantar três novas Estações Digitais nos próximos meses: uma na Comunidade de Mussumago; outra na sede da Guarda Municipal de João Pessoa; e um telecentro na Estação Ciência Cabo Branco Cultura e Arte no Altiplano.

“Isso vai dar uma grande conexão em todas as unidades voltadas para este fim, iremos avançar incansavelmente em nossa política de inclusão social beneficiando quem mais precisa”, frisou Luciano Agra.

Segundo o secretário de Ciência e Tecnologia, Marconi Maia, a inauguração do telecentro na comunidade Maria de Nazaré era muito almejada pelos moradores da região. “Todos os nossos objetivos estão sendo alcançados e nada disso estaria acontecendo se não fosse à visão progressista do prefeito Luciano Agra. Estamos qualificando as pessoas para que elas tenham intimidade com esse novo mundo”, comemorou Maia, acrescentando que a unidade funcionará nos três turnos.

Oportunidade – Maria da Silva Melo, 58, moradora da Comunidade Maria de Nazaré, comemorou a iniciativa da gestão municipal. “Achei ótima as instalações, já estou matriculada e tenho sede de aprender”, disse. Já aposentada Ivete de Souza contou que frequentará a unidade com toda a família. “Em toda a porta que batia para fazer um curso, sempre me diziam que não tinham vaga. Aqui é diferente, como idosa, estou muito feliz com essa porta que foi aberta”, enfatizou.

Capacitação- O coordenador de Inclusão Digital da Secitec, José Izidro Alves, disse que em breve será implantado um curso de informática básica, voltada para a realização de concursos públicos em todas as 29 Estações Digitais.

“Isso é fruto de uma reunião de trabalho com os instrutores que nos fizeram essa reivindicação. Quem pode está pagando um cursinho para o concurso, e quem não pode? Dentro de poucos dias o novo curso estará disponível e a população terá a ajuda de profissionais qualificados”, revelou Izidro.

Novas Ações – O cinema do Projeto Casa Brasil, no Conjunto Costa e Silva, está para ser inaugurado no mês de fevereiro. O espaço contará com ambiente climatizado para quarenta pessoas, projetor de última geração e a exibição de filmes e documentários definidos pela comunidade.

“O cinema será gratuito, onde as escolas da região poderão utilizá-lo para atividades didáticas complementares preliminarmente agendadas”, pontuou Pierre Dornelas que é coordenador da Casa Brasil.