PMJP inicia nova etapa da ação de combate ao sarampo

Por - em 45

Começou na manhã desta segunda-feira (18) mais uma etapa da Operação B3 de combate ao sarampo. Serão visitadas as ruas do Bessa, Manaíra, Mandacaru e Roger. No último sábado (16), foi realizada mais uma etapa de intensificação da vacina, com um posto extra montado no Busto de Tamandaré, com mais de mil doses aplicadas.

A Diretora de Vigilância à Saúde, Julia Vaz, afirma que a população não precisa temer a vacina. “É importante que as pessoas recebam os profissionais e colaborem com a imunização, já que esta é a única forma de se prevenir contra o sarampo”, afirmou. Vale lembrar que todos os profissionais envolvidos na Operação B3 estão devidamente identificados.

Até sábado, mais de 67 mil pessoas já haviam sido vacinadas em unidades de saúde da família, nos postos extras da campanha ou durante o bloqueio (vacinação realizada em pessoas que tiveram contato com pacientes com suspeita da doença). Apenas nos dois primeiros dias da Operação B3, foram imunizadas 2.769 pessoas.

Pessoas entre seis meses e 49 anos de idade precisam se vacinar contra o sarampo, que é uma doença causada por vírus e que pode ser transmitida por secreção respiratória como espirro ou tosse. Os primeiros sintomas são febre alta, manchas vermelhas pelo corpo, corisa, tosse e olhos ardendo (conjuntivite).

As manchas geralmente duram de quatro a sete dias, não coçam e aparecem aproximadamente 14 dias após a exposição ao vírus. A pessoa que está com sarampo pode contagiar outra por pelo menos 4 dias antes ou depois do aparecimento da doença.

Informações, dúvidas e notificações de casos podem ser feitas através dos telefones 0800 282 7959 ou 8844-4779.