PMJP já trocou 3.662 casas de taipa por imóveis de alvenaria

Por - em 35

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) já extinguiu 3.662 casas de taipa espalhadas pela cidade, por meio do Programa de Subsídio Habitacional (PSH), do Governo Federal. A meta é erradicar esse tipo de imóvel, que oferece risco de vida a quem não tem outro local seguro para habitar.

Apenas os bairros da primeira região do Orçamento Democrático não têm esse tipo de moradia. O bairro com maior concentração de casas de taipa é o Novais, com 503 unidades habitacionais já substituídas. Cruz das Armas, um dos mais antigos e populares bairros de João Pessoa, também já teve 395 casas de taipa substituídas pela PMJP.

O programa federal prossegue transformando a imagem de João Pessoa, com a substituição de casas de barro por outras de alvenaria. “A população tem aderido ao programa”, disse o secretário de Habitação Social, José Guilherme.

A cobertura financeira desse programa social conta com a parceria de oito bancos privados: Economisa, Paulista, Cobansa, CHB, BIC,  Indusval e a Família Paulista.