PMJP promove ‘I Festival Paradesportivo Municipal’ e reúne 300 atletas

Por - em 83

A abertura oficial do I Festival Paradesportivo Municipal 2011 foi realizada no ginásio poliesportivo do Centro Administrativo Municipal (CAM), no bairro de Água Fria, às 15h desta segunda-feira (5). A solenidade reuniu cerca de 300 atletas, que disputam competições de dança, bocha, futebol de 5, atletismo, basquete e futsal; a partir desta segunda-feira (5) até a quarta-feira (7) de dezembro.

O I Festival é promovido pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através da Secretaria de Juventude, Esporte e Recreação (Sejer), em parceria com a Escola Estadual Especial (Edesp); Associação de Pais e Amigos das Crianças Especiais (Apace); Associação Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de João Pessoa e Santa Rita; Fundação Centro Integrado de Apoio à Pessoa com Deficiência (Funad); Centro de Atividades Especiais Helena Holanda (CAEHH) e Instituições Pestalozzi.

Inclusão – De acordo com o secretário de Juventude, Esporte e Recreação, João Corujinha, o objetivo do evento é promover e incentivar a pratica de esportes, atividades físicas e de lazer, individuais e coletivas, para pessoas com necessidades especiais, com deficiência e praticantes de esportes adaptados nas mais diversas instituições de origem.

“Para mim é sempre um momento muito importante participar de um evento desportivo, e como este, sem dúvida mais que especial. Como educador sou testemunha do poder que o jovem tem para socializar e transformar pessoas, o esporte é um meio transformador de perfil incomparável. Hoje é um dia especial, porque os protagonistas desse evento são marcados pela perseverança, superação e amor ao esporte. A maior vitória é a presença de todos vocês aqui”, disse João Corujinha.

A mesa foi composta pelo secretário da Sejer, João Corujinha; Rosângela Costa, chefe de Divisão da Política em Atenção a Pessoa com Deficiência da (PMJP); Verônica Cavalcante da Fundação Centro Integrado de Apoio à Pessoa com Deficiência (Funad); Laerte do Nascimento, representante dos atletas e Helena Holanda, fundadora do Centro de Atividades Especiais Helena Holanda (CAEHH). 

Integração – Depois do pronunciamento de abertura do secretário João Corujinha, o atleta de Futsal, Bruno César Pereira, de 13 anos, fez o juramento oficial representando os atletas. “Juro participar dos jogos, respeitando a todos e competindo com lealdade juro!”. Logo após o juramento, a pira olímpica dos jogos foi acesa pelo atleta da seleção paraibana de basquete Geraldo Carlos da Silva. “Esse gesto para mim foi muito bom, porque isso significa a integração de muitas pessoas, essa é a primeira vez que estou participando de um evento desses, é muito emocionante”, disse o atleta de basquete. Em seguida os atletas se abraçaram e se confraternizaram na quadra.

Por fim, aconteceram apresentações artísticas e culturais que encerraram a solenidade de abertura do Festival. O Centro de Referência Municipal de Inclusão para Pessoa com Deficiência (CRMIPD) fez uma apresentação de dança. O grupo da Associação Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de João Pessoa também apresentou um número de dança. Encerrando, o grupo do Centro de Atividades Especiais Helena Holanda (CAEHH) também mostrou uma coreografia.

Locais e datas de competições:

Segunda-feira – 05/12

Manhã – Bocha – Funad

Tarde- Dança e Futebol de 5 – CAM

Terça-feira – 06/12

Manhã e Tarde

Atletismo – Unipê

Tarde- Basquete – Unipê

Quarta-feira – 07/12

Manhã e Tarde

Futsal – CAM