PMJP realiza atividades em alusão ao Dia Nacional de Luta Antimanicomial

Por Ascom SMS - em 249

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), está realizando uma série de atividades voltadas à conscientização da população em geral sobre a importância da saúde mental. A programação é alusiva ao Dia Nacional de Luta Antimanicomial, comemorado neste sábado (18).

Nesta sexta-feira (17), acontecerá a Marcha da Luta Antimanicomial, com concentração no Parque Solon de Lucena (Parque da Lagoa), a partir das 15h, reunindo usuários, familiares e profissionais dos serviços de assistência em saúde mental, organizado por diversos movimentos sociais, grupos, coletivos e entidades do Estado.

“É um ato em defesa do SUS e, principalmente, para pensarmos e discutirmos a saúde mental para diversas frentes de cuidados, pensando num processo de trabalho dinâmico, qualificado, resolutivo e humanizado”, destacou Alessandra Cruz, responsável pela área técnica em Saúde Mental da PMJP.

Todos os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) estão realizando atividades diferenciadas voltadas aos usuários dos serviços. A programação inclui rodas de diálogo com os mais diversos profissionais dos serviços, oficinas, exposições, atividades de educação física e práticas complementares, avaliação terapêutica, além de atividades recreativas para as crianças atendidas pelos serviços.

Luta Antimanicomial – A data marca as mobilizações em torno do fechamento de manicômios e a formalização de novas legislações, a implantação da rede de saúde mental e atenção psicossocial e da instauração de novas práticas em um importante movimento de Reforma Psiquiátrica Brasileira, uma referência internacional.

Onde procurar ajuda em saúde mental:

 

CAPS Gutemberg Botelho – Funciona 24h e é o responsável pelo atendimento e tratamento de transtornos mentais severos e persistentes ofertando acolhimento, tratamento com medicamentos, atividades comunitárias, oficinas culturais e visitas domiciliares.

Endereço: Rua Minas Gerais, nº 409, Bairro dos Estados

Telefone: 3211-6700

 

CAPS AD – Rangel – Com assistência 24h, é o centro de atendimento e tratamento de portadores de transtornos mentais decorrentes do uso e dependência do álcool e outras drogas, oferecendo atendimento à desintoxicação leve, oficinas terapêuticas e culturais, atendimentos domiciliares e assistência individual psiquiátrica e psicológica.

Endereço: Rua José Soares, s/n, Rangel.

Telefone: 3218-5244

 

CAPS Infanto Juvenil Cirandar – É o centro de atendimento e tratamento de crianças e adolescentes que apresentam transtornos psicóticos, neuróticos e usuários de substâncias psicoativas, ofertando atividades socioculturais, comunitárias e terapêuticas, visitas domiciliares e tratamento com medicamentos.

Endereço: Rua Gouveia Nóbrega, s/n, Róger.

Telefone: 3214-6079

CAPS Caminhar – Funciona 24h e oferta assistência a usuários portadores de transtornos mentais, com tratamento por meio de medicamentos, atividades comunitárias, oficinas culturais e visitas domiciliares.

Endereço: Rua Paulino Santos Coelho, s/n, Jardim Cidade Universitária.
Telefone: 3218-7008

 

Pasm – Pronto Atendimento em Saúde Mental para pacientes que necessitam de atendimentos de urgências e emergências psiquiátricas, no Complexo Hospitalar de Mangabeira. A unidade funciona 24 horas e é referência no atendimento a surtos psicóticos, uso compulsivo ou abstinência de álcool e outras drogas, ideação e tentativa de suicídio, ansiedade e depressão aguda.

Endereço: Rua Agente Fiscal José Costa Duarte, s/n, Mangabeira II.

Telefones: 3218-9725 / 3218-9727