Políticas da PMJP vão concorrer ao ‘Prêmio do Milênio Brasil’

Por - em 35

A Prefeitura de João Pessoa (PMJP) vai inscrever suas políticas de enfrentamento à pobreza, inclusão social e igualdade de gênero para concorrer ao ‘Prêmio Objetivos de Desenvolvimento do Milênio Brasil’ (ODM), cujo lançamento acontece na próxima quinta-feira (11) na Capital paraibana.

O prêmio é uma iniciativa do Governo Federal, foi proposto durante a abertura da I Semana Nacional pela Cidadania e Solidariedade, em 2004, e tem o objetivo de enfrentar o desafio histórico de combater a fome e a pobreza no País. Na primeira edição do ODM Brasil, realizada em dezembro de 2005, foram inscritos 920 projetos e ações, dos quais 27 saíram premiados.

Uma reunião na manhã desta segunda (8) definiu como será a participação das entidades envolvidas na organização do lançamento do prêmio. O encontro contou com a presença da assessora da Secretaria-Geral da Presidência da República, Marisa Jacomini de Sousa, que veio a João Pessoa mobilizar as entidades que irão ajudar na divulgação do evento. O Governo Municipal foi representado pela secretária da Transparência Pública, Estelizabel Bezerra. O encontro aconteceu na agência do Banco do Brasil da Praça 1817, com a participação de representantes de diversas instituições públicas e privadas.

O prêmio – Poderão concorrer ao ‘Prêmio de Desenvolvimento do Milênio Brasil’ governos municipais e organizações da sociedade civil, como Organizações Não-Governamentais (ONGs), universidades, fundações e entidades empresariais e de trabalhadores que cumpram as oito iniciativas sociais firmadas por líderes de 191 nações, durante a reunião da Cúpula do Milênio realizada em Nova Iorque, em 2000.

As iniciativas sociais são: erradicar a extrema pobreza e a fome, garantir educação básica de qualidade para todos, promover a igualdade entre os sexos e a autonomia das mulheres, reduzir a mortalidade infantil, melhorar a saúde das gestantes, combater o HIV/Aids, a malária e outras doenças, garantir a sustentabilidade ambiental e estabelecer parcerias para o desenvolvimento.

Estelizabel Bezerra disse que a atual gestão tem grande possibilidade de ser agraciada com o prêmio ODM. “Este governo conseguiu promover a igualdade entre os sexos e a autonomia das mulheres com a criação de uma linha de crédito dentro do Programa Municipal de Apoio aos Pequenos Negócios (Empreender-JP), como Empreender Mulher; criou uma Coordenadoria de Políticas Públicas para as Mulheres (CPPM) e possui índices que demonstram a redução da mortalidade infantil e a melhoria da saúde das gestantes”, frisou.

As práticas inscritas serão avaliadas e selecionadas por comitês técnicos de especialistas nos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM). Ao final do processo, as melhores iniciativas serão escolhidas e premiadas por um júri especial.