Prefeito assina convênio para construção de 576 moradias

Por - em 9

Quem sonha há anos com a casa própria tem um motivo para sorrir nesse final de ano. É que o prefeito de João Pessoa, Luciano Agra, assina na manhã desta quinta-feira (23), mais um convênio com a Caixa Econômica Federal (CEF) para a construção de novas unidades habitacionais, dentro do programa ‘Minha Casa, Minha Vida’. A solenidade acontece às 10h, no gabinete do prefeito no Centro Administração Municipal (CAM), bairro de Água Fria. Além dele, participam da assinatura do convênio o superintendente regional da Caixa na Paraíba, Elan Miranda, e a secretária de Habitação do município (Semhab), Emília Correia Lima.

O novo empreendimento imobiliário será construído no Jardim Veneza, zona sul da Capital. Serão 576 novas unidades habitacionais, divididas em 12 blocos, o que beneficiará quase três mil pessoas. O investimento é da ordem de R$ 23,6 milhões. “Com a assinatura de mais esse convênio, a Prefeitura dá seguimento à política pública implementada nos últimos seis anos, que tem obtido resultados excelentes, beneficiando as comunidades carentes com moradias dignas e com completa infraestrutura”, frisou a secretária Emília Correia Lima.

Os apartamentos a serem construídos seguem o mesmo padrão dos demais, cujas obras já estão em execução. Cada apartamento terá 42,3 metros quadrados de área construída, distribuídos em sala, dois quartos, cozinha, banheiro social e área de serviço. Além disso, toda a área do condomínio contará com uma infraestrutura de drenagem, pavimentação, rede de água e esgotos, calçadas e iluminação. De acordo com o cronograma da obra, os imóveis devem ficar prontos em um ano.

Com esse contrato firmado pela PMJP em parceria com a CEF e empresas privadas, já são 2.604 novas unidades habitacionais em construção em diferentes bairros da Capital dentro do programa ‘Minha Casa, Minha Vida’. As obras estão sendo executadas no bairro das Indústrias, com a construção de 584 unidades; 1.200 apartamentos no Colinas do Sul; 244 unidades no Valentina de Figueiredo (Paratibe) e agora outras 576 no bairro do Jardim Veneza. O programa atende a população com renda de zero a três salários mínimos.