Prefeito inaugura escola de tempo integral Radegundis Feitosa

Por - em 245

O prefeito Luciano Agra inaugurou nesta segunda-feira (8) a terceira escola em tempo integral da Rede Municipal de Ensino. A unidade, localizada na comunidade Laranjeiras, no bairro José Américo, homenageia o músico e professor Radegundis Feitosa, e já estava em funcionamento desde maio com 385 estudantes do Ensino Fundamental I e Educação de Jovens e Adultos (EJA). Na obra, que integra o pacote de ações em comemoração aos 426 anos da Capital, foram investidos cerca de R$ 3 milhões.

Na solenidade, o prefeito Luciano Agra destacou o poder da educação na proteção dos jovens dos ambientes hostis. “A escola em tempo integral é um refúgio seguro para proteger essa geração das drogas”, disse o prefeito.

Luciano Agra ainda falou que hoje cerca de 70 mil alunos estão sob os cuidados da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através da Secretaria de Educação, em 95 escolas, 39 Centros de Referência da Educação Infantil (Creis) e três escolas em tempo integral. Ele ainda citou, entre as várias ações na área de educação, a realização de concurso público, aperfeiçoamento dos educadores e valorização salarial. “Estamos comemorando o aniversário de 426 anos da Capital e vamos terminar esse mês com seis escolas em tempo integral”, contou o prefeito.

Agra ainda chamou a população a preservar a unidade de ensino que homenageia um dos maiores músicos da Paraíba. “Precisamos investir no nosso principal capital que são as pessoas, pois temos muitas pessoas talentosas como foi Radegundis, e é por isso que tomamos a decisão de dar a essa escola o nome desse brilhante paraibano. Hoje é um dia de festa e espero que todos façam o melhor uso possível dessa escola”, finalizou.

Sonho realizado – A secretária Ariane Sá ressaltou que com a inauguração da Escola Radegundis Feitosa, a PMJP realiza o sonho da comunidade e dos educadores, citando Darci Ribeiro, Anísio Teixeira, entre outros, que pensam a educação de forma integrada, explicando como funciona a metodologia de tempo integral. “Durante a manhã crianças assistem às aulas regularmente. Após o almoço, uma equipe de tutores avalia o aprendizado do dia, aplicando lições de reforço, se necessário. Depois do lanche, a partir das 15h, são desenvolvidas várias oficinas e modalidades esportivas”, explicou Ariane Sá.

O reitor da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Rômulo Polari, lembrou a importância de Radegundis não só dentro da Universidade, mas na música, e parabenizou a PMJP pela qualidade da unidade de ensino inaugurada e pela metodologia de tempo integral usada. “Fico muito feliz quando vejo uma escola desse nível, estamos fazendo renascer a qualidade da educação pública básica no nosso Estado”, disse Polari, lembrando que foi aluno de escola publica e hoje é reitor da UFPB.

Homenagem – Muita emoção marcou a inauguração da Escola Municipal Radegundis Feitosa, que contou com a presença dos familiares do homenageado, vários secretários municipais e autoridades convidadas. A solenidade teve início com a apresentação do JP Sax, grupo formado pelo irmão do trombonista e amigos. No repertório foram apresentadas canções como ‘Rosa’ e ‘Saxofone Porque Choras’. “Nós do JP Sax estamos agradecidos, pois Radegundis merece muito”, afirmou Heleno Feitosa Costa Filho (Costinha), irmão do músico e integrante do JP Sax.

Emocionada, a esposa de Radegundis Feitosa, Simone Feitosa, agradeceu a homenagem feita pela PMJP e disse que espera que a alegria do trombonista, seja a motivação dos professores para transmitir conhecimento aos alunos. “Em depoimento um aluno disse que crescer mirando Radegundis foi um grande privilégio. Eu espero que, para esses alunos, crescer estudando aqui nessa escola seja um grande privilégio”, declarou.

Além do JP Sax, a Banda Marcial Municipal de Educação fez uma apresentação e o Sexteto de Trombones, formado por alunos de Radegundis e integrantes da Banda, tocou ‘De Volta Pro Aconchego’.

Encerrando a solenidade, o prefeito Luciano Agra entregou um buquê de flores à mãe da Radegundis, Joana Nunes Feitosa, e, acompanhado dos alunos Cleide Maria Franca e João Gabriel, conheceu a unidade educacional, que é a décima escola-padrão entregue pela PMJP desde 2005.