Prefeito recebe o ‘Prêmio Coração de Estudante’

Por - em 124

A União Estadual dos Estudantes (UEE) entregou o ‘Prêmio Coração de Estudante’ ao prefeito da Capital, Ricardo Coutinho (PSB), pela forma com que a Prefeitura de João Pessoa (PMJP) vem desenvolvendo a educação do município. No evento, que aconteceu na manhã desta quinta-feira (12) na Estação Cabo Branco (no Altiplano), foi realizado o lançamento da carteira de estudante, série ouro, em comemoração aos 25 anos de lutas estudantis.

No verso da carteira está impressa a imagem da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, que foi escolhida pela maioria das entidades de estudantes para representar a Capital paraibana, por se tratar de um monumento que expressa a promoção da educação e o futuro tecnológico.

Além do prefeito, outras personalidades também foram homenageadas, a exemplo do reitor da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Rômulo Polari, e o presidente do Sindicato das Escolas Particulares, professor Odésio Medeiros.

Balanço – Na ocasião, Ricardo Coutinho fez um balanço de como está a educação no município, com respeito aos investimentos em obras, além de relembrar momentos importantes no mundo em que os movimentos estudantis foram decisivos.

“Estamos num ritmo alucinante dentro da educação municipal, com a construção e reforma de escolas, de Creis e principalmente na capacitação de professores. O grande passo agora além das obras é o projeto Escola Nota 10, que vai promover um grande desafio para o corpo docente, discente e funcionários, pois eles serão convidados a elevar o nível da própria escola, através de metas a cumprir”, enfatizou o prefeito.

Lutas – Segundo ele, para uma pessoa poder governar um município ou outra esfera, tem que compreender as lutas estudantis e fazer um diálogo com as representações. “Os movimentos estudantis sempre estiveram presentes em fatos importantes da história do mundo. Enquanto muitos aderiam às regras impostas por governos e órgãos, os estudantes resistiam e lutavam pelos direitos, fazendo a diferença em muitos momentos. Todo governante deve saber e entender essas lutas, para ter a capacidade de formatar espaços democráticos”, explicou Ricardo Coutinho.

Marco – Já o assessor de comunicação da UEE, Marmuth Cavalcanti, ressaltou que a homenagem ao prefeito se dá por dois motivos: os investimentos na educação básica e a idealização da Estação Cabo Branco. Ele relatou que por muitos anos o cartão postal das carteirinhas de estudante era o pôr-do-sol ou a Lagoa, mas que a maioria elegeu a Estação como um marco para o desenvolvimento da cidade.

“É de extrema importância que as crianças e adolescentes sejam preparados para entrarem numa universidade. E na rede municipal de ensino podemos constatar isso. Os alunos estão mais preparados e engajados, para que possam no futuro lutar por melhorias na educação. Mas a construção da Estação cabo Branco foi o divisor de águas entre a João Pessoa barroca e a moderna, pois dá um grande passo para o futuro”, disse Marmuthe. De acordo com ele, as carteirinhas serão entregues a partir do dia 1º de abril.

Estavam presentes vários representantes de entidades estudantis, alunos da Escola Municipal Índio Piragibe e sociedade em geral.