Prefeito visita obra e diz que Estação de Artes deve ser entregue em abril

Por - em 81

O prefeito da Capital, Luciano Agra, conferiu nesta quarta-feira (15) o andamento das obras de construção da Estação das Artes, que irá compor o complexo da Estação Cabo Branco, Ciência, Cultura e Artes. Luciano Agra percorreu a maioria dos ambientes do novo prédio e constatou que, pelo ritmo dos trabalhos, o espaço deverá ser entregue à população já no próximo mês de abril, se não ocorrerem maiores problemas decorrentes de chuvas. Estão sendo investidos R$ 18,9 milhões, a partir de um convênio entre a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) e o Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT).

“Estamos otimistas que o andamento das obras continuará em ritmo acelerado e sem problemas, possibilitando que o governo municipal possa entregar a cidade de João Pessoa um equipamento que irá somar em número de realizações de eventos educativos e culturais já realizados com sucesso pela Estação Cabo Branco”, ressaltou o prefeito, que esteve acompanhado pelo secretário de Governo e Articulação Política, Ronaldo Barbosa; a secretária de Comunicação do Município, Marly Lúcio; e ainda, o deputado estadual João Gonçalves.

Durante a visita, o prefeito conversou com os engenheiros e operários responsáveis pela obra e percorreu os ambientes que já estão em fase de finalização dos trabalhos. Nesta etapa, as ações estão concentradas nos trabalhos de acabamento do piso, pintura e de instalações elétrica, hidráulica, hidrossanitária e telefônica. Toda a estrutura de concreto do prédio principal já foi concluída e as vias de acesso já estão pavimentadas.

Luciano Agra ressaltou que a Estação das Artes foi pensada como um novo espaço para receber eventos culturais e artísticos de porte internacional, e com isso ganhou detalhes especiais no projeto. O local terá, por exemplo, ambientes climatizados com controle de umidade para garantir que o espaço possa receber exposições de grande porte. O prédio também está sendo construído dentro dos conceitos de acessibilidade.

Para receber um calendário de eventos o ano inteiro, a Estação das Artes contará com uma área de 4.573 metros quadrados. Serão três pavimentos, distribuídos entre uma área de exposições, quatro pequenos auditórios, uma galeria para exposições, setor administrativo, um restaurante e estacionamento. Um dos detalhes do projeto é que a Estação das Artes também receberá uma fachada de vidro, um dos detalhes que compõe a torre principal também da Estação Cabo Branco.