Prefeitura acelera as obras de ampliação da Pedro II

Por - em 30

As obras de ampliação da Avenida Pedro II foram intensificadas desta vez com a retirada do canteiro central, início do recapeamento asfáltico e recuo das calçadas na Rua Etelvina Mendonça, que liga o final do corredor Pedro II a Avenida Nossa Senhora de Fátima, no sentido bairro/centro.

Só após o recapeamento é que será colocado o meio-fio e executados os serviços das calçadas. Na próxima segunda-feira (17), a Secretaria de Infra-Estrutura começa os trabalhos de fundação da base para a colocação da passarela metálica que permitirá o acesso das pessoas à comunidade São Rafael. O orçamento desse equipamento está estimado em R$ 544 mil.

Mais de 80% dos serviços de implantação da ciclovia já foram concluídos. A via contará com 2,60 metros de largura, 1.350 metros de extensão e integra um projeto maior de construção de ciclovias em toda a cidade. O percurso da ciclovia do corredor Pedro II compreende o trecho em frente ao Complexo Juliano Moreira até a passarela próximo à sede do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis na Paraíba (Ibama-PB).

Devido aos trabalhos na área, o tráfego está mais lento e agentes de trânsito da Superintendência de Transportes e Trânsito (STTrans) monitoram a circulação de veículos e passagem de pedestres, já que o semáforo do corredor foi retirado.

O secretário de Infra-Estrutura, João Azevedo, ressaltou que estão diretamente envolvidos nessa segunda etapa das obras aproximadamente 50 profissionais com a execução dos serviços e mais 30 nos trabalhos de consultoria e produção na usina de concretagem. Ele disse ainda que o órgão está fazendo o levantamento da situação das calçadas da Rua Etelvina Mendonça e o resultado será encaminhado à Secretaria de Planejamento (Seplan), para que discuta com os moradores a possibilidade de recuo ou não. “Após o resultado desse trabalho é que a Seplan irá avaliar com os moradores qualquer modificação que possa ser feita”, disse.