Prefeitura cria linha especial de crédito para o Empreender-JP

Por - em 35

O Programa Municipal de Apoio aos Pequenos Negócios (Empreender-JP) vai abrir uma linha de crédito especial destinado a capital de giro para microeempreendedores de João Pessoa que fazem parte da Associação Paraibana da Beleza (APB) ou da Associação das Microempresas de João Pessoa (AME-JP). O termo de cooperação com as duas entidades será assinado pelo prefeito Ricardo Coutinho (PSB) na próxima segunda-feira, no auditório do Paço Municipal, às 11h.

Os interessados em ter acesso à nova linha de crédito deverão procurar a sede da APB e da AME, onde serão efetuas as inscrições. O valor do empréstimo pode chegar a oito salários mínimos com juros de 0,9% ao mês e com prazo de nove meses para o pagamento. Os beneficiados também receberão capacitação e serão orientados pelo Sebrae na elaboração de um Plano de Negócio.

O capital de giro tem por finalidade suprir a empresa de recursos financeiros necessários para a realização das suas operações, ou seja, comprar e vender mercadorias/produtos. De acordo com o secretário de Desenvolvimento Sustentável da Produção (Sedesp), Raimundo Nunes, essa nova opção de crédito surgiu a partir de uma reivindicação das duas entidades. “O Governo Municipal de João Pessoa dentro da política de desenvolvimento econômico da cidade resolveu acatar as solicitações e dar mais um incentivo aos pequenos empreendedores”, enfatizou.

Na próxima segunda-feira, o Empreender-JP também vai liberar R$ 246 mil para 139 pequenos empreendedores. O programa tem apenas dois anos, mas já investiu mais R$ 6 milhões na abertura ou expansão de três mil empreendimentos urbanos e rurais de João Pessoa, ajudando a gerar quase dez mil novos empregos. Números que, segundo o prefeito Ricardo Coutinho, estão mudando o perfil econômico da capital. É como se a cada dia cinco pequenos empreendimentos fossem abertos ou ampliados nesta cidade, disse o prefeito.