Prefeitura inaugura mais uma praça totalmente recuperada

Por - em 19

O prefeito Luciano Agra inaugurou mais um espaço de lazer público foi recuperado pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP). Desta vez, os moradores do bairro do Bessa foram beneficiados com as obras da praça Francisca Fernandes Queiroga, neste sábado (17). O local ganhou uma nova paisagem, com novos bancos, jardim, espaço para caminhada, iluminação, novos lixeiros e um playground.

A restauração da praça era uma antiga reivindicação dos moradores do Bessa. Reivindicação esta que foi oficialmente atendida com o decerramento da placa feita por Luciano Agra, que ressaltou que a obra é mais um fruto de parcerias entre a Prefeitura de João Pessoa, o Governo Federal e a iniciativa privada.

É através dessa união e do planejamento adequado que estamos tendo condições de realizar ações como esta que contribuem para acabar com os abismos sociais. Atualmente temos mais de 60 frentes de trabalho em andamento em diversos bairros da cidade. É um circulo virtuoso que nós dá a sensação de dever cumprido, pontuou.

A novidade também agradou aos pais que agora tem uma opção de lazer gratuita. Achei ótima esta iniciativa, pois moro do lado da praça e vou poder trazer sempre a Ane Caroline, completa Andrea Feitosa, mãe de uma garotinha de 2 anos. Agora temos onde brincar porque antes não tínhamos nada para fazer, concordou Alcélio Fernandes, 9 anos.

Moradora do Bessa há quatro anos, a professora Petronila Almeida também lembra que a partir de agora poderá cuidar melhor da saúde através da caminhada. Com a recuperação da praça, vou ter como fazer mais exercícios físicos, estou muito satisfeita com a obra, destacou.

A inauguração da obra de recuperação da praça foi prestigiada por centenas de pessoas, inclusive pela família da telegrafista Francisca Fernandes Queiroga, nome que batiza o local. A homenagem foi proposta pela superintendente adjunta do Instituto de Previdência do Município (IPM), Paula Frassinete.

O médico Norberto Nogueira, filho da homenageda-que faleceu em 1996 aos 93 anos- considerou que a atitude da Prefeitura Municipal de João Pessoa é ao mesmo tempo um reconhecimento ao trabalho de outros cidadãos que colaboraram para o desenvolvimento da cidade. É uma menção muito justa por fazer referência à uma mulher de origem simples mas que fez a diferença e deu sua contribuição social, afirmou.