Prefeitura inicia nova etapa de reforma do Mercado Central

Por - em 27

O maior mercado público da capital paraibana segue em obra de reforma com mais uma etapa sendo executada pela Prefeitura de João Pessoa (PMJP). A gestão iniciou a reforma do Galpão III do Mercado Central, dentro do projeto de readequação e melhorias dos mercados públicos da cidade.

O local vai abrigar 56 comerciantes de carnes que atuam no equipamento e que poderão trabalhar em boxes padronizados, dentro dos padrões de higiene e acessibilidade exigidos pela legislação. De acordo com o projeto, a etapa que prevê a reforma do setor contemplará a urbanização e uma área para carga e descarga. O local também vai abrigar alguns boxes para a comercialização de frios e derivados.

Este ano, a Prefeitura entregou a recuperação da estrutura interna do Galpão II, na terceira etapa do projeto de reforma que está sendo empreendido pela PMJP. No Galpão II, o projeto contemplou a recuperação das marquises existentes e demoliu os boxes externos, deixando o espaço aberto para a circulação dos usuários e dos comerciantes. Também foram feitas obras de esgotamento sanitário, revestimento das paredes, a marcação dos boxes internos, colocação dos “combogós” e cobertura.

Atualmente o Mercado Central encontra-se com 70% das obras licitadas, sendo que 60% deste total foram entregues aos comerciantes e à população. O investimento até o momento é de R$ R$ 9.390.200,17. Dentre as partes finalizadas estão os Galpões I e V (setor administrativo e de comercialização de cereais e produtos diversos), as Praças de Alimentação I e II e os Pavilhões I e II (frutas, verduras e raízes). Após a conclusão do Galpão III, a PMJP abrirá a licitação dos 30% restantes, que incluem as obras do Galpão IV e anexos.

Reforma – As obras de reforma e ampliação do Mercado Central foram iniciadas pela Prefeitura de João Pessoa em 2006. Essa é a primeira grande intervenção no local, que foi construído no início da década de 1940. A expectativa é que até 2012 todo o projeto seja concluído, contemplando 1.207 comerciantes cadastrados pela PMJP. Atualmente, mais de 50% destes receberam boxes novos e os demais aguardam a conclusão da reforma trabalhando no local.