Prefeitura reforça ação preventiva em áreas críticas por conta das chuvas

Por - em 30

As equipes de manutenção da Secretaria de Infra-Estrutura (Seinfra) de João Pessoa intensificaram as ações em vários pontos da cidade, por conta da previsão de continuidade de fortes chuvas sobre a Capital. De acordo com a Diretoria de Manutenção, sete equipes de trabalho estão nas áreas mais críticas onde são verificados casos recorrentes de alagamentos. As ações têm sido realizadas em parceria com a Defesa Civil, Emlur e as secretarias de Meio Ambiente (Semam), Municipal de Saúde (SMS) e Desenvolvimento Urbano (Sedurb).

As equipes foram distribuídas pelos bairros de Mangabeira (Cidade Verde, Nova Mangabeira), Comunidade João Paulo II (Geisel), Avenida Pedro II com a Avenida Coremas, como também no Alto do Mateus, Cabo Branco e em um trecho do rio Cuiá. Segundo o diretor de Manutenção, Antonio Gualberto, no Cidade Verde está sendo aberta uma vala para possibilitar o escoamento de uma rua alagada. Já em Nova Mangabeira, a equipe da Seinfra apóia uma outra da Defesa Civil onde foram registrados desabamentos de algumas casas. No Geisel e na Pedro II, o trabalho é de desobstrução de galerias.

No Alto do Mateus, a equipe recorreu a um caminhão de sucção para retirar água empoçada em uma das ruas. No Cabo Branco, acontece a limpeza de galeria obstruída por areia trazida pela maré alta. No rio Cuiá, a Seinfra trabalha em parceria com a Emlur para fazer a limpeza do leito. “Em decorrência das recentes chuvas o manancial tomou muita água e está preste a sair de sua calha” explicou o diretor. A ação é preventiva para evitar inundação em algumas residências próximas à zona ribeirinha na divisa dos bairros Valentina Figueiredo e Mangabeira.

Gualberto explicou que as ações foram iniciadas há dois meses, com objetivo de minimizar os transtornos no período de chuvas na cidade. “Nossas equipes intensificaram os trabalhos de limpeza e desobstrução do sistema de drenagem em vários pontos da cidade como galerias, bueiros, canais, encostas, barreiras e regiões ribeirinhas. As ações são preventivas com a finalidade de facilitar o escoamento das águas pluviais e evitar alagamentos”, explicou Gualberto.

Sobreaviso – As equipes da Seinfra estão trabalhando em regime de sobreaviso para atender as demandas da Defesa Civil. “Os nossos veículos e pessoal ficam à disposição para auxiliar nas ações da Defesa Civil durante esse período de chuvas intensas”, declarou o diretor.