Prévia do Carnaval Tradição será nesta sexta em Cruz das Armas

Por - em 33

As prévias do Carnaval Tradição permanecem animando os foliões em diferentes bairros da Capital. Nesta sexta-feira (18), a partir das 20h, a manifestação cultural acontece na Rua Presidente F. Antônio, popularmente conhecida como ‘Rua do Rio’, no bairro de Cruz das Armas, com o desfile de várias agremiações, como tribos indígenas, clube de orquestra e escola de samba. O evento é uma promoção da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por intermédio da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope).

A animação dessa sexta vai ficar por conta das tribos indígenas ‘Tabajara’, do Alto do Mateus, ‘Papo Amarelo’ de Cruz das Armas e ‘Pela Vermelha’, do Cristo, além do Clube de Orquestra Ciganos do Esplanada, do bairro de mesmo nome e a Escola de Samba Pavão de Ouro, do bairro São José.

Próximas prévias – Para que o folião se programe, as próximas edições das prévias do Carnaval Tradição já estão definidas. Na quinta-feira (24) a festa acontece no bairro da Torre, com apresentação das tribos indígenas ‘Africanos’ e ‘Flexa Negra’, ambas de Cruz das Armas e ‘Ubirajaras’, do Rangel, além dos clubes de orquestra ‘São Rafael’, do Castelo Branco, ‘Bandeirantes da Torre’, e ainda ‘Escola de Samba Malandros do Morro’, também oriunda do bairro da Torre.

O encerramento será na Praça Onze, do bairro de Jaguaribe. O local já foi palco de várias apresentações do carnaval antigo de João Pessoa e marcou o início de muitas agremiações que hoje desfilam no Carnaval Tradição. Portanto, para a noite do sábado (26) estão programados o brilho e o colorido dos clubes de orquestra ‘Piratas de Jaguaribe’ e ‘Vinte e cinco bichos’, ambas de Jaguaribe, ‘Tribo Indígena Pele Vermelha’, do Cristo, ‘Escola de Samba Mirassol’, do Padre Zé e ‘Urso Folião’, da cidade de Santa Rita.

Saiba Mais – O Carnaval Tradição já foi incorporado ao calendário de eventos tradicionais da cidade, animando as ruas desde 1918. O marco inicial foi a fundação da Tribo Indígena ‘Africanos’, do bairro da Torre. A partir de 1930, foram criadas novas agremiações, nas categorias tribo indígena, clube de orquestra e escola de samba. Outro segmento surgido posteriormente foram os blocos de arrasto comunitários, os ursos de carnaval (conhecidos como ala ursas), além das batucadas. O desfile oficial de todas as agremiações acontece a partir do sábado de carnaval, dia 5 março.