Procon-JP dá dicas para compra segura e alerta para publicidade enganosa

Por Evanice Gomes - em 239

O consumidor deve ficar atento às promoções anunciadas em estabelecimentos comerciais antecipando a participação no Black Friday, que se realiza neste final de novembro. Para deixar o consumidor mais seguro na hora das compras, a Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor está orientando e dando dicas de como participar desta ação de consumo que se caracteriza por oferecer grandes promoções, tanto em lojas virtuais quanto  físicas.

 O objetivo da campanha educativa/preventiva realizada pelo Procon-JP, durante os dias que antecedem o Black Friday, é inibir  possíveis enganações quanto aos descontos oferecidos. O secretário Helton Renê pede aos consumidores que pretendem aproveitar as promoções durante essa mega promoção para que fiquem atentos à chamada ‘maquiagem’ nos preços.

Ele explica que existe o risco dos produtos terem o valor aumentado alguns dias ou semanas antes da promoção anual, dando a impressão que existe um desconto muito maior durante o Black Friday. “O Procon-JP está atento porque este é um evento do comércio que ocorre no País todo e que vem crescendo a cada ano. É claro que existem mesmo grandes descontos, mas, sempre tem alguém querendo ganhar mais em cima do boa fé do consumidor”.

Detalhes – O titular do Procon-JP acrescenta que, em alguns momentos, o conceito do Black Friday americano, onde realmente os descontos são reais, é desvirtuado. “Aqui no Brasil já foi constatado que alguns comerciantes se aproveitam desse momento porque sabem que o volume de vendas vem aumentando a cada ano e o consumidor, no ímpeto de adquirir algo há muito desejado, não presta atenção em alguns detalhes, por isso o Procon-JP está fazendo o alerta”, disse Helton Renê.

Sites – Helton Renê informa que já foi estimado que, de cada cinco internautas, quatro participem do Black Friday. “Estamos fazendo o mesmo alerta para quem pretende comprar pela internet. O consumidor deve dá preferência a sites com boa reputação no mercado e desconfiar de ofertas muito abaixo do padrão de mercado. Lembrem-se que produtos com descontos muitos grandes podem está com o preço real embutido, de alguma forma”.

O secretário acrescenta que as pessoas devem conferir se a empresa existe de fato e de direito (CNPJ, endereço e telefone de contato), e entrar logo em contato com os órgãos de defesa do consumidor em caso de dúvida ou se identificar algum problema durante a transação. “Em casos ocorridos em João Pessoa, o consumidor deve ligar para o Procon-JP no 0800 083 2015, 3214-3040 ou ir até à sede na avenida Pedro I, 473, Tambiá, ou ainda no posto de atendimento do MP/PB, no Parque da Lagoa, 300”, informou Helton Renê.

Dicas para compra segura pela internet

– Preferir sites com boa reputação no mercado

– Desconfiar de ofertas muito abaixo do padrão de mercado

 – Verificar se o endereço eletrônico indicado na barra é o mesmo informado no site

– Verificar a adoção de sistemas de segurança (cadeado ativo no canto direito da tela) principalmente quando fornecer dados pessoais

– Desconfiar de formas de pagamento incomuns como depósito em conta de pessoas físicas

– Conferir se a empresa existe de fato e de direito (CNPJ, endereço e telefone de contato)

– Evitar compras através das redes sociais, preferindo sites de compras

– Entrar imediatamente em contato com os órgãos de defesa do consumidor em caso de dúvida ou se identificar algo suspeito durante a transação