Procon-JP dá orientações para evitar que aposentados caiam em golpes

Por - em 54

A facilidade de crédito para aposentados, intensificada em 2003 com a autorização do empréstimo consignado com desconto no benefício, ainda cresce com o surgimento de novas modalidades, mas também, aumentam as opções de golpes. Por isso, no Dia Nacional do Aposentado, comemorado nesta terça-feira (24), o Procon de João Pessoa dá uma série de dicas para que os aposentados tomem os cuidados necessários para não sair no prejuízo.

“Várias modalidades de crédito são abertas para os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), mas é preciso ter muito cuidado não só ao procurar esse serviço, mas também, para se livrar de fraudes, pois existe até falsificação de documentos para solicitar crédito em nome de terceiros”, alertou o secretário executivo do Procon-JP, Sandro Targino.

Por isso, uma das principais dicas do Procon-JP para os aposentados que forem contratar um empréstimo, é analisar as opções disponíveis no maior número de bancos e financeiras e pedir cópia do contrato. A pesquisa é importante para encontrar as menores taxas e melhores condições de pagamento.  Nesse levantamento, também deve ser verificado o impacto no orçamento, checando se o valor das parcelas não vai comprometer o pagamento das demais despesas.

Outro alerta é não se deixar levar por ofertas na hora de pedir empréstimo, como os cartões consignáveis, nos quais o valor mínimo das faturas é debitado no benefício e o restante das despesas é cobrado através da fatura. Isso pode confundir o aposentado, pois ele acredita que está pagando a fatura completa, mas na verdade pode estar pagando apenas uma parte e o restante sofre o acréscimo de juros nos percentuais cobrados pelos cartões de crédito.

Evite fraudes – Além dos cuidados na hora de contratar o serviço, os aposentados devem ficar atentos para não se tornarem vítimas de fraudes. “É fundamental não repassar informações pessoais por telefone, assim como dados bancários e endereço. Isso porque, alguns fraudadores podem se passar por funcionários do INSS. Na suspeita de que pode está sendo vítima de um golpe, entre em contato com a polícia”, alertou Sandro Targino.

Ele também destacou que os aposentados devem desconfiar de promessas em agilizar andamento de processos da previdência, adiantar valores atrasados ou qualquer outro tipo de vantagem. Como muitos aposentados ficam sozinhos boa parte do dia, é preciso ter cuidado com as ofertas feitas em domicílio e não entregar documentos ou assinar contratos. Também é importante ficar sempre atento durante as viagens, ficar com bolsas e carteiras em seu poder.