Procon notifica postos por aumento indevido de preços

Por - em 41

O Procon de João Pessoa notificou 15 postos de combustíveis por aumento indevido de preços. Em pesquisa realizada nesta segunda-feira (28), o órgão constatou que 40 postos estão praticando o alinhamento dos preços, o que é uma prática irregular. O preço da gasolina está mais caro em 28 postos e o álcool aumentou em 27. Os melhores preços dos combustíveis são informados através de panfletos distribuídos em semáforos da Capital.

A pesquisa foi realizada em 109 postos de combustíveis de João Pessoa. Desde a última pesquisa realizada no dia 23 de junho, o preço da gasolina apresentou aumento de 5,1% e o álcool um acréscimo de 1,9% em João Pessoa. Já o óleo diesel e o Gás Natural Veicular (GNV) permanecem com o mesmo valor. 

De acordo com a pesquisa, esta semana, a gasolina tem o menor preço de R$ 2,259 (Ello, Bairro dos Novais), R$ 0,11 mais caro do que na semana passada. O preço mais alto do combustível é de R$ 2,799. O álcool tem o menor valor do litro praticado na cidade de R$ 1,650 (Posto Ferrari, Centro). Na última pesquisa esse valor era de R$ 1,619.

Após o último aumento do Gás Natural Veicular (GNV), de R$ 0,30, registrado na última pesquisa, o combustível manteve o menor valor de R$ 1,790 (Ipiranga, Ipês). O maior valor deste combustível encontrado pelos pesquisadores é de R$ 2,199.

O único combustível que manteve o preço praticado na semana passada foi o óleo diesel, que apresenta valores entre R$ 1,790 e R$ 2,07. A pesquisa completa pode ser conferida no site www.joaopessoa.pb.gov.br/procon/pesquisas.