Profissionais da saúde básica são treinados no combate às drogas

Por - em 24

Os profissionais que atuam na saúde básica estão participando de uma capacitação, nesta segunda-feira (30), realizada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), através da Coordenação de Saúde Mental. O objetivo do treinamento, que acontece no Auditório do Hospital Santa Isabel, é qualificar esses trabalhadores para as atividades do Plano Emergencial de combate ao álcool e drogas desenvolvido pelo Ministério da Saúde.

Participam dessa qualificação mais de 60 apoiadores dos quatro distritos sanitários que compreendem o território da Capital, além de representantes dos três Centros de Atenção Psicossocial (Caps) do município. Na programação, experiências na abordagem de usuários pela atenção básica, redução de danos e experiências exitosas.

Pela manhã foi apresentado um panorama do tema ‘Álcool e Outras Drogas na Atenção Básica’, com a participação de representantes do Ministério da Saúde. Raimunda Rane Félix atua em Fortaleza e acredita que é necessário articular toda a rede de saúde no tratamento de usuários de drogas. “É preciso tratar o usuário no momento de crise e ajudá-lo na recuperação, mas é indispensável a atuação da saúde básica no sentido de reconhecer e encaminhar esses pacientes ao tratamento adequado”, afirmou.
Atendimento Especializado – O atendimento na saúde mental em João Pessoa conta com três unidades do Caps que atuam diretamente no tratamento dos portadores de transtornos mentais, além de usuários de álcool e outras drogas. A Unidade Caps i Cirandar trata crianças e adolescentes que apresentam transtornos psicóticos e neuróticos, além de usuários de substâncias psicoativas. Em breve a Prefeitura Municipal irá inaugurar o Caps AD, uma unidade especializada no tratamento de usuários de álcool e drogas.