Profissionais da saúde e educação recebem capacitação através da arte

Por - em 54

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), dá início nesta quarta-feira (07) a uma série de turmas de Oficinas de Teatros. As oficinas irão acontecer com experimentações nas as artes cênicas (teatro, dança e circo), levando para a prática do profissional da rede municipal, instrumentos que o auxiliem na construção de personagens e/ou autoconhecimento, revelando seus talentos. A oficina ocorre na academia de ginástica do Centro de Testagem Aconselhamento Municipal (CTA), no bairro de Jaguaribe, no prédio do Centro de Cidadania, Ação e Interação Solidária (Cais).

Roberto Maia, chefe da seção DST/Aids, destacou que a oficina irá abordar diversos temas na Saúde, além de desenvolver novas tecnologias para formação de multiplicadores para atuarem nas comunidades e nas escolas municipais da Capital. “O projeto visa valorizar a atuação do servidor de saúde no campo das artes cênicas levando ao público informações importantes para que este possa refletir em torno de uma vida mais saudável. Antes, essas informações eram colocadas através de palestras ou em rodas de conversas”, enfatiza Roberto.

Agenda – A carga horária do curso é de 20h, com aulas semanais todas as quartas-feiras nos horários da manhã (8 às 12h) e da tarde (13 às 17h). A atividade tem como público alvo profissionais da saúde, educação e outros interessados que tenham vínculo com a rede municipal. A primeira turma terá aulas de 7 de março a 4 de abril. A segunda de 11 de abril a 9 de maio e a terceira de 16 de maio a 13 de junho. No dia 26 de março está programada uma apresentação dos esquetes construídos pelas três turmas durante as oficinas.

Outras três turmas serão formadas de agosto a novembro e, no início de dezembro, ocorre uma nova apresentação com todos os esquetes realizados durante o ano.

Primeira turma – Em 2010 foi realizada a primeira versão da oficina de teatro para profissionais de saúde e foram formados quatro grupos de teatro que trabalham a prevenção as DST/Aids e sobre a temática de saúde mental. “Esses grupos formados em 2010 se apresentaram no Teatro Ednaldo do Egito no final de 2010”, explicou Roberto Maia.