Programa de Atenção à Pessoa Idosa realiza festa de Natal

Por - em 44

O Programa de Atenção à Pessoa Idosa (Papi), ligado a Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), realiza nesta segunda-feira (20), uma grande confraternização entre todos grupos de convivência assistidos pela Prefeitura de João Pessoa (PMJP), a partir das 14h, no Serviço Social do Comércio (Sesc) Centro.

A expectativa é que cerca mil idosos participem do evento que contará com apresentações do grupo de dança Arco Íris, da banda Cristo Rei e do Coral formado por idosos e idosas de vários grupos de convivência, regido pela maestrina Graça Barbosa. Também será distribuído um lanche com opção de sucos e refrigerante dietético. Após o evento, os grupos terão um período de recesso e retornam no dia 1º de fevereiro.

O secretário adjunto de Desenvolvimento Social, Antônio Jácome, explica que a Prefeitura de João Pessoa, através da Sedes, tem um papel importante de fortalecer e apoiar a ação dos grupos de convivência vinculados ao Papi e ao Conselho Municipal do Idoso.

Segundo Jácome, no Projeto da Lei Orçamentaria de 2011, encontram-se consignados recursos para o co-financiamento federal destas ações que em âmbito local receberão o reforço do Fundo Municipal do Idoso, de acordo com a Política Nacional de de Assistência Social.

O programa – Cerca de 2 mil idosos são atendidos pela Sedes, através do Programa de Atenção à Pessoa Idosa (Papi). Qualquer pessoa a partir dos 60 anos, que se encontra em situação de risco social ou interessada em participar de grupos de convivência, pode participar do Programa, que centraliza suas perspectivas no respeito e no resgate da memória da cidadania e do bem estar social do idoso, como sujeito de direitos, buscando a melhoria na qualidade de vida.

No Papi, os idosos praticam atividades físicas, recebem acompanhamento psicológico e social, tiram dúvidas e têm orientação sobre seus direitos. O Programa ainda atende e acompanha casos de idosos vítimas de maus-tratos ou em situação de abandono, em parceria com o Ministério Público, através da Promotoria do Cidadão.