Programa Doulas Comunitárias Voluntárias de João Pessoa ganha novo formato

Por Mônica Melo - em 415

Na manhã desta segunda-feira (29) foi apresentado no auditório do Paço Municipal de João Pessoa o novo formato do programa Doulas Comunitárias Voluntárias. A novidade é que agora a mulher poderá ser acompanhada pelas doulas desde o pré-natal e ser inserida em rodas de diálogo com profissionais de saúdes, gestantes e mães para compartilhar experiências sobre gestação e maternidade.

De acordo com a coordenadora da Área Técnica de Saúde de Direitos Sexuais e Reprodutivos da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres, Elizabeth Alves, o programa Doulas Comunitárias Voluntárias já existia, mas as doulas só atuavam no momento de parto e na Maternidade Cândida Vargas. “Formatamos para que agora ele atenda as mulheres desde o pré-natal, e a doula sendo inserida na comunidade vai atender a mulher, no pré-natal, no parto e pós-parto”, explicou.

Ainda segundo Elizabeth, as rodas de diálogo não substituem o pré-natal, mas são um momento lúdico no qual as mulheres se encontram para dialogar sobre os seus medos e expectativas, bem como tirar dúvidas referentes a gestação que o pré-natal não consegue contemplar. “Na roda de saúde se encontram profissionais de saúdes, doulas e mulheres que já pariram e que vão participar dessa troca de experiência”, revela.

As mulheres que tem o desejo de participar, passarão por uma triagem para saber quem tem o perfil adequado, em seguida seguem para uma formação teórica de 40 horas, que abordará desde a dinâmica do parto até a importância do voluntariado e a política nacional de humanização parto e de nascimento. Para se inscrever, as interessadas devem procurar a sede do seu Distrito Sanitário.