Programa visita comunidades e leva qualidade de vida a idosos

Por - em 58

Em atividade há dois anos em João Pessoa, o ‘IPM na Rua’ deu continuidade nesta semana ao projeto social que já beneficiou milhares de idosos da cidade. O programa é organizado pelo Instituto de Previdência da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) e leva atividades tradicionalmente realizadas no Centro de Convivência do Idoso do IPM para diversos grupos de idosos espalhados pela cidade. As oficinas desta vez foram realizadas na Vila Vicentina.

Segundo João Carlos Leão, coordenador do Centro de Convivência e idealizador do programa, o objetivo principal é diminuir os altos índices de depressão existente entre on pessoal da terceira idade, que depois de aposentados tendem a se isolar simplesmente por não terem o que fazer.

“Vamos até as comunidades e grupos de idosos para ensinar um passatempo a eles. Além de interagirem com outras pessoas da mesma faixa etária, eles aprendem novas formas de se ocuparem e se divertirem”, destaca João Carlos.

As oficinas regulares ensinadas pelo ‘IPM na Rua’ são artesanato com fuxico, biscuí, tenerife, croché, pintura em porcelana, coral e bandinha. Além disto, eles dão aula de ginástica, alongamento e aeróbica de baixo impacto. “É um dia de lazer para dar mais qualidade de vida aos nossos idosos. E tudo isto feito de forma gratuita”, revela.

Neste ano o programa já passou também pelo Lar da Providência e em breve visita a Asplan e o Abrigo do Amem. Mas João Carlos Leão avisa que o ‘IPM na Rua’ está a disposição de qualquer grupo de idoso interessado numa visita. “Pedimos apenas que o coordenador nos procure e diga qual é a carência deste. Vemos como podemos ajudá-lo e agendamos o dia da atividade”, explica, dizendo que o contato pode ser feito pelo telefone (83) 3218-9831.

Além disto, qualquer pessoa pode frequentar o Centro de Convivência do Idoso sempre que quiser e se integrar a alguma das atividades. O endereço é Rua Engenheiro Clodoaldo Gouveia, 166, Centro, e funciona das 8h às 12 e das 13h às 17h.

“O Centro de Convivência é um espaço da população pessoense. O programa nada mais é do que uma extensão do Centro, para apresentar nossas atividades para quem ainda não a conhece ou não pode ir até lá. Assim, toda semana estamos em algum lugar diferente”, conclui João Carlos.