Projeto ‘Estação do Livro’ é implantado em 14 praças de JP

Por - em 24

Um incentivo à leitura em ambiente público para todas as idades. Este é o objetivo do projeto ‘Estação do Livro’, que a Prefeitura de João Pessoa (PMJP) lança nesta terça-feira (16), na praça das Mangueiras, no Alto do Mateus. O lançamento ocorre a partir das 17h, com a presença do prefeito Ricardo Coutinho.

O projeto terá como ponto fixo catorze praças em diferentes bairros da Capital. Nesses locais, a população terá a oportunidade de ter acesso à leitura de forma gratuita, com a possibilidade, inclusive, de levar os livros para casa. Para abrigar o acervo, a prefeitura construiu um espaço em alvenaria, com um balcão e prateleiras para expor os exemplares a serem doados à comunidade. O projeto estrutural foi desenvolvido pelos arquitetos da Diretoria do Planejamento Urbano da Secretaria de Planejamento (Seplan/ Diplur). No ambiente de quatro metros quadrados podem ser colocados até 300 livros.

De acordo com o coordenador da Biblioteca Municipal, Marcos Paulo, um estagiário da Secretaria de Educação (Sedec) estará de segunda a sexta-feira fazendo o cadastro dos leitores. O espaço ficará aberto das 16h às 20h. “Optamos por este horário por saber que é o período que tem mais gente frequentando a praça. No espaço, o estagiário fará o controle de todas as pessoas que receberão os livros, armazenando os dados em um computador. O que queremos com este projeto é estimular a prática da leitura em ambientes públicos, partindo do princípio que qualquer lugar é lugar para descobrir novos horizontes”, frisou o coordenador.

Todos os exemplares que irão compor a ‘Estação do Livro’ serão livros de vários gêneros literários como poesia, contos e histórias infantis. No local, a população também pode fazer a doação de livros que estiverem em bom estado de conservação. As doações serão catalogadas e em seguida distribuídas com outras estações, para que toda a população seja contemplada.