Projeto reúne famílias em noite dedicada à música instrumental

Por - em 20

Uma noite para apreciar a música erudita, jazz e MPB. Quem prestigiou o projeto “Música do Mundo”, nesta terça-feira (28) assistiu apresentações de destacados instrumentistas nacionais e internacionais, como Milton Masciadri e Itamar Colaço, na Estação Cabo Branco e no Busto de Tamandaré, em João Pessoa. O evento é realizado pela Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope), em parceria com a Universidade Federal da Paraiba (UFPB).

No auditório da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Arte, o violoncelista uruguaio Milton Masciadri, acompanhado da Orquestra de Câmara da UFPB, encantou o público com obras clássicas executada em seu violoncelo, confeccionado em 1690. Uma das peças que mais arrancou aplausos do público foi a “Tarantella”, de Giovanni Botesini.

A professora Janaína Correia de Vital Ataíde, moradora do Bessa, levou a família para assistir a apresentação. Acompanhada do marido e dos cinco filhos pequenos, Janaína elogiou a iniciativa da Prefeitura em trazer para a cidade músicos eruditos renomados. “É uma excelente oportunidade de nos familiarizarmos mais com a música erudita e mostrarmos esse estilo para nossos filhos”, destacou.

Quem também aprovou as atrações do projeto “Música do Mundo” foi o músico percussionista, Fred Magalhães. Residente em Brasília, e;e passa férias na cidade, e está prestigiando todas as apresentações do projeto. “Venho todos os dias com minha família, que está morando há pouco meses aqui em João Pessoa. O Música do Mundo é muito bom, pois dá aos visitantes e a população local a oportunidade de conhecer diferentes estilos musicais”, ressalta.

Durante a apresentação, o contrabaixista Milton Masciadri, que já foi professor de música da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, afirmou ser muito boa a experiência de tocar em João Pessoa. Ele elogiou a Orquestra de Câmara da UFPB, que teve pouco tempo para ensaiar as peças, devido ao atraso do vôo do instrumentista por causa da nevasca nos Estados Unidos. Atualmente Masciadri é professor na University of Georgia (EUA).

Jazz e MPB – O Música do Mundo trouxe para João Pessoa na noite da terça-feira (28) mais duas atrações de destaque no palco montado no Busto de Tamandaré, em Tambaú. A primeira delas foi a apresentação do instrumentista e compositor paulista Itamar Collaço.

Acompanhado por músicos da UFPB, o baixista interpretou canções de renomados cantores brasileiros, como Djavan, Milton Nascimento, Ivan Lins e João Bosco. Tocando pela primeira vez em João Pessoa, ele ficou encantado por tocar para um público ao ar livre.

Em seguida, o palco montado no Busto de Tamandaré foi ocupado pelos 20 músicos do Campina Jazz Band. Criada em 2004, em Campina Grande, investiu em um repertório para agradar aos variados gostos, como Chorinho e Jazz Latino, utilizando também arranjos de maestros paraibanos, a exemplo de Rogério Borges e Chiquito.

A farmacêutica Maria do Socorro Lacerda, moradora do Bairro dos Ipês, disse que desde que começou o projeto acompanha as apresentações junto com familiares nas areias da praia de Tambaú. “São shows com instrumentistas maravilhosos, ao ar livre e realizados em um horário muito bom. É uma programação para toda a família”, ressalta.

Para o professor universitário Breno Henrique, com essa programação a Prefeitura incentiva a divulgação das diversas expressões culturais, oferecendo a população local música de qualidade. “Estou assistindo com minha esposa aos shows todos os dias desde a apresentação natalina realizada no sábado. E queremos assistir também as apresentações da festa do Réveillon”, disse.