Projeto Viva Volei da PMJP vai atender 192 crianças de Mangabeira

Por - em 60

João Pessoa terá um novo espaço para a prática de esportes por crianças e adolescentes. É o projeto “Viva Volei”, que será lançado no próximo domingo (21) pela Prefeitura Municipal de João pessoa (PMJP), através da Secretaria de Juventude, Esporte e Recreação (Sejer), em parceria com as confederações Brasileira e Paraibana de Voleibol.

O lançamento será aberto ao público e acontece a partir das 8hs, no Ginásio de Esportes Hermes Taurino, em Mangabeira, com a participação do secretário da Sejer, João Carvalho da Costa, conhecido como João Corujinha; do medalhista olímpico José Marques e do presidente da Federação Paraibana de Vôlei, Potengi Lucena. Atividades como hip hop, capoeira, ginástica rítmica, recreação e sorteios de brindes também farão parte da festa.

O “Viva Volei” irá envolver 192 crianças e adolescentes da comunidade na prática do esporte. As inscrições para participar do programa serão realizadas no próprio ginásio, a partir da segunda-feira (22), das 8h às 17h. Segundo o coordenador de Esporte da Sejer, Adriano Lucena, o objetivo do projeto é incentivar a prática esportiva, tirar as crianças das ruas e descobrir novos talentos para o vôlei paraibano.

“Inicialmente será realizado apenas no Hermes Taurino, mais pretendemos, em breve, estendê-lo a todas as escolas da rede. Serão oito turmas com 24 alunos, distribuídos por faixa etária, dos 7 aos 14 anos. Os treinos irão acontecer nos períodos da manhã e tarde. Para se inscrever é necessário autorização dos pais e do médico, xerox da certidão de nascimento ou RG e duas fotos 3×4. É exigido que a criança ou o adolescente esteja regularmente matriculado e frequentando as aulas, por isso, pedimos também uma declaração da escola”, esclareceu.

Além de fornecer todo o material como bolas, coletes, redes e cones, a Confederação Brasileira de Voleibol realizou um curso de capacitação com os professores e monitores do programa, nos dias 06 e 07 deste mês, na Capital. Já o acompanhamento técnico ficará por conta da Federação Paraibana.