ProJovem inicia matrícula para 2ª ciclo do ano letivo de 2009

Por - em 22

O Programa Nacional de Inclusão de Jovens (ProJovem), uma iniciativa do Governo Federal executada pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), iniciou nesta quarta-feira (02) as matrículas para alunos interessados em ingressarem no 2º ciclo do ano letivo de 2009.

Para participar é preciso ter entre 18 e 25 anos, saber ler e escrever e não ter concluído o ensino fundamental. Os jovens que desejarem efetuar as inscrições devem se encaminhar aos postos de matrículas munidos de identidade, comprovante de residência e histórico escolar. Devem ser apresentados a original e uma cópia de toda a documentação.

As aulas do 2º ciclo do ProJovem terão início na segunda quinzena de outubro e deverão atender cerca de 2.600 estudantes. Os jovens matriculados irão concluir o ensino fundamental em um ano e meio e ainda terão acesso a cursos profissionalizantes nas áreas de educação e turismo e hospitalidade, e a ações de participação cidadã, nas quais serão motivados a desenvolverem atividades comunitárias em seus bairros.

Atualmente o ProJovem atende 5.200 alunos e com as novas turmas passará a 7.800 beneficiados, em 39 unidades de ensino da Rede Municipal. Todos os estudantes do programa recebem uma bolsa – auxilio de R$ 100, 00, mas para isso é preciso ter 75% de presença na sala de aula e entregar mensalmente todos os trabalhos solicitados.

De acordo com Thiago Pacheco, coordenador executivo do programa, o ProJovem de João Pessoa vem ganhando destaque e boa avaliação do Governo Federal pelos seus três anos de atuação na Capital. “Cerca de 7.500 jovens já foram atendidos pelo ProJovem e muitos deles hoje já concluíram o ensino médio e estão no mercado de trabalho e na universidade, dessa forma, vemos que o programa cumpriu seu papel e motivou esses jovens a recuperarem suas vidas escolares”, comentou.

Inscrições – As inscrições estão sendo realizadas até o dia 1º de outubro na coordenação do ProJovem, localizada no Paço Municipal, no Centro, e nas 13 unidades de ensino que a partir deste 2º ciclo passam a se integrar ao programa. São elas:

Ana Cristina Rolim, nos Bancários
Afonso Pereira, em Mangabeira
Francisco Pereira da Nóbrega, no Cristo
João Santa Cruz, Bairro dos Novais
Cícero Leite, no Valentina de Figueiredo
Leonel Brizola, em Tambauzinho
Santos Dumont, no Varadouro
Luiz Augusto Crispim, no Bairro dos Ipês
Cantalice Leite e Anayde Beiriz, no Bairro das Indústrias
Moema Tinoco, nos Funcionários II
Pedra do Reino, no Grotão
Aníbal Moura, em Cruz das Armas