ProJovem realiza evento público no Funcionários I, nesta quarta-feira

Por - em 19

O Programa Nacional de Inclusão de Jovens (ProJovem), em uma iniciativa de sua Estação Harmonia’, realiza nesta quarta-feira (9) o ‘3º Evento Público do Plano de Ação Comunitário (PLA) do ProJovem em João Pessoa’. A ação faz parte das atividades de formação do programa e acontece a partir das 18h, na Praça Lauro Wanderley, localizada no bairro Funcionários I.

“Cada turma do programa formula um plano de ação, sendo este relacionado com sua comunidade e o seu dia-a-dia; nesses planos os alunos diagnosticam um problema e iniciam a busca por soluções para essas questões”, explica Jô Oliveira, educadora dos PLA’s da ‘Estação Harmonia’.

Os eventos públicos acontecem como forma de valorizar o protagonismo dos jovens, a partir do momento em que os PLA’s são executados em lugares onde toda a comunidade tem acesso. Nesta terceira edição do evento em João Pessoa, o ProJovem pretende reunir mais de 1.000 pessoas entre alunos, educadores e a comunidade em geral.

Temáticas – Entre os temas desenvolvidos pelos PLA’s estão a saúde, o abuso e a exploração sexual, educação, violência doméstica, homofobia, violência no trânsito, violência urbana, drogas, entre outros assuntos que fazem parte do universo dos alunos matriculados no programa do Governo Federal.

Todas as temáticas levantadas pelos alunos farão parte da programação deste 3º Evento Público que acontece na Praça Lauro Wanderley. Faz parte do cronograma desta quarta-feira, a exposição e apresentação de painéis e posters, apresentações das peças ‘Se cuida mulher’, sobre violência doméstica; ‘O andarilho’, que aborda a temática das drogas, e a peça ‘Violência começa do nada’, que traz a discussão sobre a violência urbana. Vão ocorrer também atividades como construção de painéis interativos, etiquetagem de carros e panfletagem, e um escovódromo. Para encerrar a noite todas as pessoas presentes estarão convidadas a dar um abraço simbólico na praça.

“Realizar os eventos públicos também é uma forma de sensibilizar a comunidade em geral para essas temáticas que são tão presentes no dia-a-dia de todos. Levar o debate para a praça e buscar soluções por meio de ações pensadas por jovens da própria comunidade também é um dos objetivos desta ação”, enfatiza Jô Oliveira.

Os núcleos que formam a ‘Estação Harmonia’ do Programa Nacional de Inclusão de Jovens são as escolas municipais Castro Alves, Oscar de Castro, Américo Falcão, Augusto dos Anjos, Leônidas Santiago, Dumerval Trigueiro, Zulmira de Novais e Menino Jesus.