Qualifica-JP inicia segunda etapa com mais três cursos

Por - em 37

A Prefeitura de João Pessoa (PMJP), por sua Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), dá início nesta segunda-feira (10) à segunda etapa do Programa Qualifica-JP. São cinco novas turmas de três cursos: corte e escova, gerenciamento de obras e serigrafia. Os cursos serão ministrados de forma intensiva, com aulas de segunda a sexta-feira, e serão concluídos em apenas 40 dias.

Os interessados ainda podem se inscrever, basta procurar uma das unidades onde acontecerão os cursos: Centros de Referência da Cidadania (CRC’s) do Costa e Silva, Bancários ou Funcionários II, além do Centro de Inclusão Produtiva em Vestuário do Alto do Mateus. A inscrição e todo o curso são totalmente gratuitos. O investimento da Prefeitura no Qualifica-JP foi de cerca de R$ 391.068,79. Os cursos são ministrados pela Fundação de Educação Tecnológica e Cultural da Paraíba (Funetec-PB).

O secretário adjunto de Desenvolvimento Social, Antônio Jácome, explicou que a meta é criar oportunidades de inserção no mercado de trabalho para aqueles trabalhadores que receberam a qualificação adequada para ingresso na gestão municipal, que carece de profissionais preparados para a grande demanda que se apresenta em João Pessoa. “É gratificante poder, enquanto gestão, oportunizar e fomentar a qualificação e o empreendedorismo a pessoas vulneráveis e afastadas do mercado de trabalho”.

Jácome destacou ainda que o programa prevê em seu conteúdo formação para o desenvolvimento de práticas voltadas para a Economia Solidária, bem como uma maior integração com as políticas de emprego, renda e trabalho desenvolvidas por outras secretarias, a exemplo do Emprender-JP e Sine.

465 novos profissionais no mercado de trabalho – Lançado em setembro pela Prefeitura de João Pessoa, o Qualifica-JP tem como objetivo formar, qualificar e orientar profissionalmente beneficiários dos programas sociais ligados à Secretaria de Desenvolvimento Social e trabalhadores desempregados. No dia 15 de dezembro, o prefeito Luciano Agra fez a entrega dos certificados aos 391 primeiros alunos do Programa que se profissionalizaram nas áreas manutenção de micro, secretariado, corte e costura, eletricista predial, doces e salgados, corte e escova (cabeleireiro), eletricista residencial e mecânica de motos.

Até o final deste mês, mais 74 alunos estarão prontos para atuar como profissionais de serigrafia, corte e costura, paisagismo e jardinagem, pedreiro de azulejo, mosaico e pintura decorativa.