Restaurante Popular da PMJP serve 2 milhões de almoços em oito anos

Por - em 53

O Restaurante Popular, que funciona no Parque Solon de Lucena, no Centro, comemora seu aniversário de oito anos nesta terça-feira (23) com a marca de aproximadamente dois milhões de almoços servidos, de segunda a sexta-feira à população, ao preço de R$ 1,00. Uma iniciativa da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes). Atualmente o restaurante oferece diariamente 1.000 refeições, 20 mil ao mês, 240 mil anualmente.

Para marcar as comemorações, o prefeito Luciano Agra irá anunciar que, a partir do próximo mês, serão servidas 1.250 refeições. O evento festivo acontece nesta terça, às 11h, no próprio Restaurante Popular onde haverá uma apresentação cultural, com brincadeiras e distribuição de brindes.

A dona de casa Josefa Soares de Oliveira, moradora do Jardim Planalto, faz parte dessa história, pois há oito anos é usuária do restaurante. “Todo dia venho pra cá. Acho a comida uma delícia. Nunca achei um defeito”, afirmou, enumerando as vantagens de almoçar por R$ 1,00. “É bom demais. Aqui recebo a comida no prato, deliciosa. É coxa de galinha, arroz, feijão, macarrão e suco”, disse.

Já o professor Ulisses Azevedo da Silva, morador do Cristo, almoça no Restaurante Popular há seis meses, mesmo trabalhando no bairro onde mora, pois o valor pago compensa. “Moro só com meu filho e fica complicado para fazer refeição em casa. Então, prefiro vir almoçar aqui”, explicou, constatando a qualidade da comida servida por R$ 1,00. “É ótima, excelente. Estou muito satisfeito com o que é servida”.

Segundo o coordenador do Restaurante Popular, Everaldo de Araújo, para festejar o aniversário, além da programação cultural que está sendo elaborada, o grande presente para os usuários será o aumento de 20% no número de almoços servidos diariamente. “Vamos oferecer mais 200 refeições e temos um projeto para um sopão que, de início, entre 300 e 400 pessoas serão beneficiadas”, contou Everaldo de Araújo.

Segundo a coordenadora de Segurança Alimentar e Nutricional da Sedes, Helen de Fátima, a grande importância do Restaurante Popular está “justamente em combater a fome e na erradicação da pobreza”.

Cardápio e usuários – Com um cardápio variado e supervisionado por nutricionista, cada refeição servida no Restaurante Popular tem o valor nutricional de 1.400 calorias. Na bandeja, o usuário encontra alimentos como frango, salada, feijão arroz, etc, e uma sobremesa que pode ser suco, pudim e doce. “São 1.400 calorias por prato, que é o que pede o Programa de Atenção ao Trabalhador”, contou o coordenador Everaldo de Araújo.

Funcionando de segunda a sexta-feira, das 10h30 às 12h, o Restaurante Popular atende um público, na maioria, formado por idosos, moradores de rua e comerciários. “Fizemos uma pesquisa e, entre as mil pessoas que passam diariamente pelo restaurante, 85% frequentam todos os dias. São idosos, comerciários, moradores de rua, bancários, estudantes e portadores de necessidades especiais. Já os 15% que sobram são pessoas que vêm ao comércio e/ou que vêm conhecer o restaurante e o público em geral”, contou Everaldo Araújo.

Com 25 funcionários, o Restaurante Popular, que é uma parceria entre a PMJP e a Coan – Alimentação e Serviços, tem capacidade para 200 pessoas sentadas, e ainda oferece quatro banheiros, sendo dois adaptados para portadores de necessidades especiais.