Ricardo Coutinho destaca espírito cívico; Emlur e STTrans arrancam aplausos

Por - em 58

Um misto de patriotismo e criatividade marcou a presença de escolas, órgãos e entidades municipais no tradicional desfile cívico de Sete de Setembro, na Capital. O evento aconteceu na avenida Duarte da Silveira, Centro e foi prestigiado pelo prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB), além de diversas autoridades.

“O espírito de civilidade deve estar relacionado diretamente aos valores de solidariedade e fraternidade que nós estamos tentando estimular cada vez mais. Comemorar os símbolos nacionais e o Sete de Setembro é um momento de identidade”, destacou Ricardo Coutinho.

O desfile na Duarte da Silveira contou com a presença de 20 escolas. Depois, nove entidades começaram a se apresentar, sendo a primeira delas a banda de música ‘Cinco de Agosto’, da Prefeitura de João Pessoa (PMJP), conduzindo o efetivo da Guarda Municipal. Em seguida, foi a vez da Superintendência de Transportes Trânsito (STTrans) percorrer a avenida, fazendo referência ao sucesso da campanha das faixas de pedestres e apresentando as viaturas utilizadas pelo órgão no planejamento e execução das políticas públicas voltadas ao setor.

Ainda dentro do segmento das entidades, o público prestigiou e aplaudiu o desfile da Autarquia Municipal Especial de Limpeza Urbana (Emlur). Além dos serviços básicos de atendimento prestados à população, o órgão desenvolve junto aos funcionários várias atividades culturais, a exemplo de coral e teatro, sempre focando a política de inclusão social priorizada pela PMJP. Também houve espaço para um reforço nas campanhas voltadas para a coleta seletiva, que está sendo implantada em João Pessoa.

A criatividade do grupo de percussão ‘Baticumlata’, formados por agentes de limpeza da Emlur, foi um dos momentos que mais impressionou os que assistiam o evento. Os instrumentos utilizados pelos integrantes são feitos a partir de objetos retirados do lixo, produzindo sons e ritmos que resultaram em uma batucada muito aplaudida pelo público presente.

Depois das entidades, foi a vez da apresentação do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar. Em seguida, entrou na avenida Duarte da Silveira a tropa do Exército, com um efetivo de 1.500 homens. O desfile cívico foi encerrado com a presença das viaturas da PM, Corpo de Bombeiros e Exército.