Ricardo viaja para participar de seminário na África do Sul, na 2ª

Por - em 27

Atendendo a um convite da Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) em Brasília, o prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB), viaja nesta segunda-feira (24) a Johanesburgo, na África do Sul, onde participa do seminário ‘Organização Urbana, Habitação e Coesão Social’, promovido pela própria AFD em parceria com o Ministério da Habitação Sul-Africano. O Seminário deverá ser aberto pelos embaixadores da França e do Brasil.

Com participação custeada pela Agência Francesa, o prefeito vai tratar sobre as políticas públicas da Prefeitura de João Pessoa (PMJP) nas áreas da habitação e da mobilidade e desenvolvimento urbano, em uma das três mesas-redondas do seminário, que tem como tema ‘A Responsabilidade dos Poderes Públicos em Termos de Organização Urbana: a importância do papel das municipalidades’.

O evento, que tem o objetivo de compartilhar visões, métodos e projetos, contará com a presença de participantes oriundos dos três países envolvidos – África do Sul, França (Ilhas Reunião) e Brasil – e que tenham uma atividade ou experiência administrativa relevante, ligada aos temas a serem abordados.

“Consideramos que a experiência de João Pessoa é oportuna no debate. E a presença do prefeito Ricardo Coutinho será muito enriquecedora para o evento, representando a esfera municipal brasileira”, diz Jean Guichard, da Agência Francesa de Desenvolvimento.

Agência – A AFD é uma instituição financeira pública que representa uma rede de 61 agências e escritórios, movidas por 1.306 agentes que atuam em mais de 70 países. Com sede em Paris, a AFD é uma agência financiadora que patrocina projetos ligados à infra-estrutura, desenvolvimento sustentável e biodiversidade em países em desenvolvimento.

De acordo com Jean Guichard, a Agência financia projetos levados pelos poderes públicos locais, empresas públicas e o setor privado e associativo. O continente africano é o primeiro beneficiário, com 50% dos financiamentos, seguido pelos países mediterrâneos (34%) e da Ásia (14%).

Representantes franceses apontados para participar do seminário: Ateliê Parisiense de Urbanismo (Apur) – www.city.org; Agência Nacional de Renovação Urbana (Anru) – www.anru.fr; e Federação das Sociedades de Economia Mista (SEM) – www.fedsem.fr.