Samu-JP vai socorrer vítimas de chuvas em Santa Catarina

Por - em 35

Profissionais médicos, enfermeiros e técnicos em enfermagem do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU-192) de João Pessoa partem na madrugada desta quinta-feira (27), para Santa Catarina, em missão de ajuda humanitária às vítimas das enchentes provocadas pelas chuvas naquele Estado. Também seguem em vôo comercial a partir do Aeroporto Castro Pinto, às 4h da manhã, equipes provenientes das duas outras unidades do Serviço na Paraíba, localizadas nas cidades de Campina Grande e Patos.

A coordenadora-geral do SAMU Metropolitano de JP, Roberta Abath, informa que o trabalho será desenvolvido em parceria com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), conforme articulado por ela junto ao coordenador de Saúde daquela instituição, Getúlio Câmara. A 14ª Superintendência da PRF está custeando as passagens aéreas dos profissionais paraibanos.

Roberta Abath disse ainda que o prefeito Ricardo Coutinho (PSB) apóia totalmente a iniciativa, já que o órgão da Capital paraibana é pioneiro nesse tipo de trabalho voluntário no País. “Os profissionais estão abrindo mão de seus períodos de folga para, em caráter voluntário e sem qualquer ônus para a Prefeitura, se integrarem à missão aeromédica da PRF”, acrescentou.

As equipes – Do SAMU de João Pessoa seguem para Santa Catarina sete profissionais, sendo dois médicos (Carlos Endrigo Nunes e José Aldo Simões e Silva); quatro enfermeiros (Walber Alves, Daina Souza, Sidcléia Arruda e José Jacinto Equiléis) e o técnico em enfermagem Ernesto Oliveira Medeiros.

A unidade de Campina Grande está enviando dois enfermeiros (Carlos Auriberto de Farias e Glaudistone Carneiro), enquanto que a de Patos autorizou a ida dos médicos Áurea Ferreira Costa e Celso Nóbrega dos Santos, mais as enfermeiras Elizângela Fernandes e Rayanne Dantas.