Saneamento do Grotão é entregue e vai beneficiar 1.187 famílias

Por - em 24

Os moradores do bairro do Grotão comemoraram na noite da última quarta-feira (28) a entrega das obras de saneamento básico que irão beneficiar cerca de 1.187 famílias daquela região. A ação faz parte do Programa de Saneamento Ambiental do Município, que desta vez realizou 500 ligações domiciliares ao custo de R$ 1 milhão, provenientes de recursos próprios da Prefeitura de João Pessoa (PMJP). O prefeito Ricardo Coutinho (PSB) participou da solenidade, que ainda contou com a participação da banda marcial composta por alunos da Escola Municipal Moema Tinoco.

Para Ricardo Coutinho, está é mais uma obra que honra os compromissos da atual gestão tem com a população. “Mesmo não sendo responsabilidade nossa, estamos trabalhando para que possamos executar o maior número de obras que beneficiem a cidade. Como o próprio nome já diz, o saneamento dos bairros é uma necessidade básica, não pode e não deve deixar de ser feito. A saúde é prioridade em qualquer lugar”, enfatizou.

Já o senhor Joaquim João Mendes, conhecido como ‘Pedro da Barraca’, 77, é morador do bairro do Grotão há mais de 27 anos. Hoje, ele atua junto à comunidade como um dos delegados do Orçamento Democrático da 5° Região, para ele, esse é mais um sonho realizado. “A gente sempre batalhou pelo saneamento de nossas casas e nunca fomos atendidos. Agora, o Grotão vem recebendo uma atenção que nunca tinha acontecido. O nosso bairro está melhor e ainda vai melhorar”.

Desde o início da atual gestão, a PMJP já implantou 63 mil metros de esgotamento sanitário em toda cidade, o que representa um investimento municipal de mais de R$ 27 milhões em apenas pouco mais de três anos. Além do Grotão, estão sendo beneficiados os bairros de Mandacaru, Três Lagoas, Bairro das Indústrias, Ernani Sátiro, Alto do Céu, Jardim Mangueira, Jardim Coqueiral, Porto de João Tota, São Pedro e Vem Vem e Cristo Redentor (comunidade Boa Esperança), que já foi entregue a população.

A demanda de obras faz parte das reivindicações encaminhadas pela população por meio das plenárias populares do Orçamento Democrático. Segundo o secretário de Infra-Estrutura do município, João Azevedo, o saneamento da cidade é de responsabilidade da Companhia de Água e Esgotos do Estado (Cagepa), mas por conta da demora no atendimento à cidade, a PMJP está realizando esse serviço. “A saúde da população não pode esperar, por isso entendemos que o saneamento é algo que não pode deixar de ser executado, independente de quem seja essa responsabilidade. O nosso objetivo é oferecer a população um serviço de qualidade que priorize a necessidade da cidade”, disse.