Secretaria de Habitação suspende cadastro para novas inscrições e faz campanha educativa em residenciais

Por Jonas Batista - em 193

A Secretaria de Habitação de João Pessoa (Semhab), cumprindo as determinações do prefeito Luciano Cartaxo, adotou, a partir desta quarta-feira (18), uma série de medidas para combater a propagação do Coronavírus na Capital. A Semhab vai realizar uma campanha educativa nos residenciais construídos pela PMJP, suspendeu o cadastro para novas inscrições ou atualizações, assim como as visitas domiciliares e as atividades técnico social nos residenciais. Também foram suspensos os cursos de capacitação e as atividades físicas para os moradores.

Socorro Gadelha, secretária de Habitação, explicou que as medidas seguem as determinações do Núcleo Intersetorial de Prevenção e Cuidados criado pelo governo municipal e também da Organização Mundial de Saúde (OMS). “O atendimento na sede da Secretaria vai continuar, mas a recomendação é para as pessoas procurarem informações através do telefone. Também vamos fazer uma campanha educativa junto aos moradores dos residenciais,  utilizando carros de som, onde vamos orientar sobre os cuidados que são necessários para não contrair o vírus ou infectar outra pessoa”, explicou.

Em relação as medidas internas, a Semhab liberou para trabalhar home office os servidores com mais de 60 anos e as funcionárias grávidas ou que estejam amamentando. A medida deve durar 30 dias, contando a partir deste dia 18. “O mundo está passando por um momento muito difícil e é preciso se prevenir, já que se trata de um inimigo invisível que pode estar em qualquer lugar”, ressaltou a secretária.

A Semhab também vai adotar o escalonamento dos funcionários para evitar aglomerações nas salas, mas sem prejudicar o funcionamento. “Sabemos que algumas medidas são drásticas, mas necessárias. O momento agora requer isolamento e ações direcionadas para evitar que o vírus se propague ainda mais”, comentou o secretário adjunto da pasta, André Coelho.