Semam treina profissionais para atuarem como fiscais e atendentes

Por - em 24

Com o objetivo de atualizar e aperfeiçoar o desempenho dos servidores mais antigos e de capacitar os novos fiscais e atendentes, a Secretaria de Meio Ambiente (Semam) está realizando um treinamento com um grupo de 25 profissionais. O curso acontece no Centro de Treinamento Miguel Arraes e tem dois focos distintos: Ética e Trabalho, Legislação Ambiental e Aferição de Som, que compõem o conteúdo teórico; e o trabalho de campo (acompanhamento ao local alvo de denúncia) como conteúdo prático.

Em sua constituição, a Semam tem duas diretorias: Estudos e Pesquisas e a Diretoria de Controle Ambiental, sendo esta última a instância competente para efetuar o trabalho de fiscalização em todo o município de João Pessoa, através das Divisões de Licenciamento e de Fiscalização.

De acordo com a chefe da Divisão de Fiscalização (Difi), Maria do Socorro Menezes, semanalmente o órgão recebe centenas de denúncias de crimes ambientais e para atender a demanda foi aberta a possibilidade para funcionários efetivos da Prefeitura de João Pessoa (PMJP) desempenharem essa função, após treinamento e capacitação. “Tivemos 18 candidatos inscritos e, depois da análise dos currículos, 9 estão sendo capacitados. Se na parte prática do curso, ninguém desistir, aumentaremos nosso efetivo para 25 fiscais”, disse.

A Divisão de Fiscalização funciona em regime de plantão 24h diariamente, sendo que cada fiscal trabalha 12 horas seguidas para ter 36 horas de folga. Para Socorro Menezes, que está na função desde 2002 – ano da instituição do Código Municipal de Meio Ambiente – Lei 029/02 – um candidato ou candidata a fiscal deve apresentar necessariamente características como determinação, firmeza e bom senso, tanto quanto o conhecimento da Legislação que vão precisar aplicar.