Shows do ‘Estação’ lotam anfiteatro da Praça Bela, no Funcionários II

Por - em 27

A penúltima noite do projeto Estação Nordeste foi marcada pela mistura de sons do ‘Chico Limeira’, a MPB da banda ‘Ôdecasa’ e da batida forte do hip-hop do ‘General Frank’. O evento aconteceu na noite da última quinta-feira (24), no anfiteatro da Praça Bela, situada no bairro Funcionários II, que ficou lotada de jovens e familiares para conferir o melhor da nova safra da música paraibana. O evento é uma realização da Prefeitura de João Pessoa (PMJP), por meio de sua Fundação Cultural (Funjope), e conta com o apoio do Governo Federal, através do Ministério do Turismo.

O ‘Chico Limeira’ foi a primeira apresentação da noite e mesclou diversos ritmos, passeando pela cadência do samba até o suingue de um bom brega, numa homenagem à banda ‘Caronas do Opala’, que deu início aos seus primeiros acordes no bairro Funcionários II. “É uma grande felicidade participar mais uma vez do Estação Nordeste, principalmente por ter a oportunidade de tocar numa praça, junto a um público tão querido”, disse o músico Chico Limeira.

Logo em seguida, a banda ‘Ôdecasa’ subiu ao palco e agradou ao público com sua qualidade musical. Uma simetria perfeita de vozes, violão e clarinete deu um brilho especial às letras românticas de MPB, samba e bossa nova. A banda apresentou um repertório exclusivamente de músicas autorais. “O Estação Nordeste é um espaço para a música paraibana. Agradeço a Prefeitura de João Pessoa por essa chance de mostrar o nosso trabalho”, disse o vocalista da banda, Henrique Peixe. A noite terminou ao som do hip-hop do happer ‘General Frank’.

Para a moradora do bairro dos Funcionários II, Ana Maria Pereira, 32 anos, o Estação Nordeste trouxe mais vida para o bairro. “Foram ótimos finais de semana, com festa e gente bonita. A gente nem precisa ir à praia para assistir um bom show, agora assisto perto da minha casa junto com meu marido e minha filha”.

Já Francisco das Chagas, 68 anos, declarou que ir à praça virou um hábito. “Desde que essa praça ficou pronta que venho todas as manhãs, e com os shows passei a vir todas as noites também. A praça já virou minha segunda casa”, observou.