SMS descarta outros três casos suspeitos de Gripe A na Capital

Por - em 40

Três, das cinco pessoas suspeitas de estarem infectadas com o vírus da Gripe A (H1N1), em João Pessoa, tiveram os exames de sorologia negativos para a doença. Os exames enviados pelo Instituto Evandro Chagas, na noite de quinta-feira (2), descartam a possibilidade de duas mulheres e uma criança terem contraído a doença durante suas viagens ao Chile e Argentina. Agora, são apenas dois casos em monitoramento na Capital. Desde que começou surto da doença no mundo, oito casos foram descartados e apenas um confirmado na cidade paraibana.

Uma promotora, uma advogada e uma criança de seis anos estavam em observação desde a semana passada. Eles procuraram o serviço de saúde apresentando alguns dos sintomas listados pelo Ministério da Saúde como sendo da nova gripe, a exemplo de febre e dores no corpo.

De acordo com a diretora de Vigilância à Saúde, Júlia Vaz, os dois adolescentes continuam sendo monitorados. “Na quinta-feira, fizemos o monitoramento na casa dos dois adolescentes. O rapaz de 16 anos, que esta tomando os medicamentos, ainda apresenta os sintomas, mas está bem. Já o outro jovem, de 15 anos, não apresenta mais os sintomas da Gripe A”, comentou.

Além dos dois adolescentes que estão recendo acompanhamento, mais 12 pessoas estão sendo observadas por terem tido contato direto com eles. Até as 8h30 da manhã desta sexta-feira (3), nenhuma nova suspeita foi notificada. Quem precisar de esclarecimentos sobre doença pode ligar para o 0800 2827959 ou 8844-4779. Caso haja a suspeita de contaminação com o vírus, a pessoa deve procurar o Hospital Universitário Lauro Wanderley (HU), situado na Cidade Universitária, na Zona Sul da cidade.