SMS dobra número e distribui 400 mil preservativos por mês

Por - em 26

A partir do mês de agosto, mais de 400 mil preservativos serão distribuídos mensalmente no município de João Pessoa. A quantidade praticamente dobrou depois que a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) fez uma nova pactuação com o Ministério da Saúde. A distribuição, antes feita apenas nas Unidades de Saúde da Família (USFs) e em movimentos sociais, passará a ser feita também em outros serviços de saúde.

De acordo com o diretor do Centro de Testagem e Aconselhamento em DST/AIDS e chefe da seção DST/AIDS, Roberto Maia, com as mudanças, espera-se que mais pessoas possam ter acesso ao preservativo. “Até julho, o Estado recebia o preservativo e repassava para nós. Agora, receberemos diretamente do Ministério da Saúde e em uma quantidade muito maior, quase 200 mil preservativos a mais por mês”, esclareceu.

Roberto Maia afirmou ainda que outra mudança fará com que mais pessoas peguem o preservativo. “Antes tínhamos que anotar nome, número da identidade e sexo de quem estava pegando o preservativo. Com esta nova pactução com o Ministério, não precisamos mais fazer essas anotações. Isso facilita muito, porque algumas pessoas não pegavam o preservativo com vergonha de deixar o nome”, comentou.

Além de todas as Unidades de Saúde da Família e movimentos sociais que já recebiam os preservativos para a distribuição, os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) e o Centro de Atenção Integral à Saúde do Idoso (Caisi), passarão a receber os preservativos. “No caso da USF, que recebia seis caixas cada uma, esse número irá aumentar para 10 caixas. Será muito mais gente atendida”, disse Roberto Maia.