SMS realiza oficina sobre ‘Abordagem Sindrômica em DST/Aids’ no Hospital Santa Isabel

Por - em 58

Médicos e enfermeiros dos Distritos Sanitários e hospitais da rede municipal de saúde participam nesta terça-feira (19) de uma Oficina sobre Abordagem Sindrômica em DST/Aids. O encontro é promovido pela Prefeitura de João Pessoa (PMJP), por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), no auditório do Hospital Santa Isabel. São destinadas de 15 a 20 vagas por distrito sanitário e 3 vagas por serviços de referência.

A oficina acontece das 8 às 18h e tem como objetivo discutir o fluxo de diagnóstico e tratamento da sífilis, hepatites virais, HPV e Aids na Capital. “Essa é a primeira capacitação que iremos realizar em abordagem sindrômica do ano. Essa oficina acontece em parceria com as diretorias de Vigilância e Atenção à Saúde da SMS, fazendo referência a outras capacitações que abordaram temas como a sífilis congênita e transmissão vertical do HIV”, afirmou Roberto Maia, coordenador do Centro de Testagem e Aconselhamento a DST/Aids da SMS.

Na oficina serão fornecidas aos profissionais da saúde orientações para onde encaminhar os pacientes para realização do tratamento. Os cursos serão ministrados por infectologistas. Na oportunidade será feito o lançamento de uma campanha, que ocorre no próximo mês, sobre Sífilis congênita e Hepatites Virais.

Tema – A abordagem sindrômica é a anamnese feita com o usuário para saber se ele tem Aids e outras doenças. Este diagnóstico é feito apenas com exames clínicos, sem exames laboratoriais. “Os funcionários terão um diagnóstico mais efetivo e as consultas uma maior resolutividade”, ressaltou Roberto.