STTrans monta esquema especial para o desfile do ‘Muriçoquinhas’

Por - em 25

A Superintendência de Transportes e Trânsito (STTrans) desenvolverá um esquema especial de trânsito durante o desfile do bloco ‘Muriçoquinhas do Miramar’, nesta segunda-feira (16). Exibindo o tema ‘Brinque com alegria, não brinque com a Dengue, milhares de crianças irão cair na folia e contagiar a todos com a sua animação durante o desfile do bloco. Além da alegria, a organizadora das ‘Muriçoquinhas’, Eliane Holanda, pretende chamar a atenção da população para os riscos que o mosquito Aedes aegypit oferece.

A STTrans irá interditar, a partir das 13h, toda a área no entorno da Praça das Muriçocas, onde será montado um palco e ficarão estacionados um trio elétrico e os veículos de apoio. A Rua Tito Silva, a partir da Rua Hilda Lucena, em Miramar, também estará bloqueada a partir das 13h.

Equipes de agentes de trânsito e fiscais de transportes estarão no local para orientar os condutores de veículos particulares e ônibus que vêm do bairro Castelo Branco, quanto aos desvios no trânsito e informar aos usuários de transporte coletivo os pontos de embarque e desembarque de passageiros por ocasião do desfile do ‘Muriçoquinhas’.

Concentração – As ‘Muriçoquinhas’ irão se concentrar na Praça das Muriçocas, em Miramar, a partir das 16h; a saída dos estandartes, que ficarão em um cordão de isolamento, está marcada para 18h. A expectativa da organização do bloco é que 100 mil pessoas desfilem pelo corredor da folia – da Avenida Epitácio Pessoa até o Busto de Tamandaré – animados por muito frevo e outros ritmos carnavalescos.

Responsabilidade social
– Este ano, o bloco ‘Muriçoquinhas’, além do caráter educativo e preventivo contra a dengue, fará um trabalho social em parceria com a Casa do Pequeno Davi, que cuida de crianças e adolescentes em risco social. Dois estandes, um na Praça das Muriçocas e outro na Avenida Epitácio Pessoa com a rua Silvino Lopes, estarão recebendo doações de alimentos específicos para crianças (leite em pó, achocolatado, aveia etc.) que serão entregues à instituição. Além das doações de alimentos, na compra das camisetas do bloco e da pulseira para o cordão de isolamento o folião também estará ajudando à Casa do Pequeno Davi.