STTrans faz ação educativa orientando motoristas sobre a Zona Azul

Por - em 55

A ação educativa da Superintendência de Trânsito (STTrans) com o objetivo de orientar os usuários da Zona Azul sobre a utilização correta do serviço de estacionamento rotativo na via pública foi bem aceita pelos motoristas. “É muito importante ensinar as pessoas a fazer o certo”, disse o motorista Abraão Felinto Silva Neto, residente em Jaguaribe, ao ser abordado na manhã desta quarta-feira (5) por uma operadora da Zona Azul que lhe entregou um panfleto educativo contendo as regras que devem ser seguidas pelos condutores para o uso apropriado do serviço.

Abraão considerou a iniciativa da STTrans em orientar sobre a Zona Azul bastante salutar. “Mesmo quem já é motorista há muito como eu que já tenho 57 anos, aqui e ali, faz alguma coisa errada, gostei do trabalho do pessoal”, ressaltou.

Desde 8h da manhã, equipes das Divisões de Estacionamento e Registro (Dierg) e Educação para o Trânsito (Eductrans), além dos operadores da Zona Azul orientavam os usuários que chegavam para estacionar na Zona Azul, distribuindo os folhetos educativos. A campanha “Siga as regras e evite multas” está sendo realizada para levar informações aos usuários, uma vez que, a partir da próxima semana a fiscalização para coibir as irregularidades será intensificada.

“A intenção da STTrans não é multar nenhum veículo, mas para isso os condutores devem colaborar e seguir as regras aplicadas na Zona Azul. Por isso estamos realizando essa ação educativa nas vias onde há estacionamento rotativo e esclarecendo os condutores sobre as regras básicas para o uso do estacionamento”, disse o superintendente adjunto, Paulo Freire.

Paulo Freire explicou que o objetivo da Zona Azul é democratizar o uso do estacionamento gerando rotatividade nas vagas para que mais pessoas possam fazer uso desse serviço.

De acordo com Roberto Pinto, da Dierg, que estava acompanhando a ação, a finalidade da STTrans é evitar a utilização equivocada da Zona Azul pelos motoristas que, muitas vezes, são penalizados porque desconhecem questões simples, como o prazo da cartela, vagas destinadas aos idosos e a portadores de necessidades especiais, etc. “Há pessoas que cometem infrações na Zona Azul e são penalizadas por não entenderem como ela funciona, por isso a STTrans está realizando essa ação educativa”, disse Roberto.

As equipes da STTrans e os operadores da Zona Azul vão realizar a ação até o final da semana. Eles estão abordando os usuários desde a Praça João Pessoa, em todo o seu entorno, até o final da Rua Visconde de Pelotas, no Centro. O trabalho educativo começa sempre às 8h e vai até ao meio-dia.

Faça a sua parte. Siga as regras e evite multas.

– A cartela deve ser adquirida com o operador e seu pagamento efetuado no ato da compra, não no retorno do condutor ao veículo;

– O preço da cartela é de R$ 1,30 por 2 horas de estacionamento. Após esse tempo o condutor deve retornar ao veículo;

– O motorista tem direito a 10 minutos de carência desde que fique com o veículo em ‘pisca alerta’ alerta ligado e adquira, gratuitamente, a cartela vermelha. Após esse tempo, deve retornar ao veículo;

– Estacionar em Zona Azul sem cartela ou com esta fora da validade gera multa e representa o ganho de três pontos na carteira de habilitação.

Para mais informações, ligue para 0800 281 1518. A ligação é gratuita.