STTtrans inicia implantação de dois binários em avenidas

Por - em 80

A Superintendência de Transportes e Trânsito (STTrans) está finalizando a implantação de dois binários (vias com trânsito paralelo em sentidos contrários), um no bairro dos Estados e o outro no conjunto Pedro Gondim. A modificação visar alterar o sentido do fluxo de veículos das avenidas Minas Gerais e Espírito Santo. O objetivo é melhorar a fluidez do tráfego, além de oferecer mais alternativas para o deslocamento e garantir mais segurança para motoristas, ciclistas e pedestres. A conclusão das obras está prevista para o início de novembro.

O binário do bairro dos Estados será implantado entre as avenidas Minas Gerais (onde a circulação é mão dupla e passará a ser apenas no sentido Centro – BR 230) e Espírito Santo (que terá a circulação modificada apenas no sentido BR 230 – Centro). Para a criação do binário a secretaria de Infraestrutura (Seinfra) vai recapear o asfalto da avenida Minas Gerais. A previsão é que a mudança nas vias seja realizada em 20 dias.

O diretor de Trânsito da STTrans, Omar Ramalho, informou que foi iniciado o levantamento para implantação das sinalizações horizontal e vertical nas duas vias. Ramalho explicou que as intervenções deverão trazer uma série de benefícios aos condutores, pois os motoristas poderão se deslocar com maior rapidez e segurança . Quanto aos pedestres, eles terão mais segurança na hora da travessia, uma vez, que os veículos circularão em apenas um sentido.

A superintendente da STTrans, Laura Farias, informou ainda que o binário no Bairro dos Estados é mais uma das intervenções que o órgão vem fazendo para desviar o tráfego da Epitácio Pessoa e garantir a segurança dos pedestres, ciclistas e motoristas.
“Nós estamos dando mais alternativas aos condutores para que eles cheguem ao seu destino final, evitando vias que são muito movimentadas. No caso da Epitácio Pessoa, estamos fazendo várias modificações para garantir a fluidez do tráfego nesta avenida e promover a redução do fluxo de veículos. A primeira delas foi transformar a Júlia Freire em preferencial para o tráfego”, lembrou a gestora.