Tem lazer e cultura na Estação Cabo Branco

Por - em 65

Uma ótima opção de lazer e conhecimento nos finais de semana é a Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, localizada no Altiplano Cabo Branco, que está oferecendo oficinas temáticas e atrações culturais gratuitas ao público em geral.

E para quem ainda não teve a oportunidade de conhecer as novas instalações, a dica é visitar a 1ª Mostra de Arte Contemporânea Paraibana que reúne 36 obras em pintura, cerâmica, fotografia, gravura e desenho de artistas paraibanos, isso tudo no primeiro andar da torre do complexo arquitetônico. Já no segundo andar, tem a exposição iconográfica de todo processo de construção das edificações. As duas mostras ficarão à disposição do público até o mês de setembro.

O visitante pode contemplar ainda o painel ‘O Reinado do Sol’, pintado pelo artista plástico Flávio Tavares, exposto permanentemente no hall de entrada do auditório. Numa das salas próximas ao anfiteatro também podem ser vistos trabalhos feitos com reciclagem de lixo, sob a responsabilidade da Oficina de Artes da Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur).

O diretor-geral Fernando Abath revela que a Estação Cabo Branco ainda não está funcionando em toda sua totalidade, “mas encontra-se aberta para a visitação gratuita de todos os paraibanos que queiram conhecer as instalações e participar das atividades oferecidas, já em andamento”.

Final de semana – No próximo sábado (9), a partir das 9h no anfiteatro, haverá o encerramento do primeiro curso preparatório para instrutores de música e dança do sistema municipal de ensino, realizado durante toda a semana. A partir de oficinas de técnica, arranjo e regência, mais trompete, trombone, percussão e coreografia, os 300 participantes (alunos e professores) formaram uma grande fanfarra e irão apresentar a música ‘Meu sublime torrão’, do músico paraibano Genival Macedo, falecido recentemente e que será homenageado.

Nos horários da manhã e tarde estão sendo oferecidas oficinas de origami , danças populares e expressão corpórea com professores do projeto Ciranda Curricular, destinadas a crianças, adolescentes e adultos. Essas atividades se estenderão também ao domingo.

Atrações – A partir das 16h, a atração musical será a banda marcial da Escola Municipal Davi Trindade composta de 60 alunos do ensino fundamental e médio, com balizas, corpo alegórico, percussão e metais. O grupo, que é regido pelo professor Flávio Medeiros, existe há 16 anos e é considerado um dos melhores da Paraíba em seu gênero, sendo atual campeão estadual na categoria sênior e já foi premiado em outras categorias em nível nacional. É uma das 32 bandas e fanfarras integrantes da associação do sistema municipal e faz apresentações em festivais, encontros, campeonatos, desfiles cívicos, entre outros.

No domingo (10), a apresentação do final da tarde será por conta do grupo ‘Axé Capoeira’, que realiza um trabalho social em vários bairros da Capital com 115 crianças e adultos de escolas públicas, sob o comando dos mestres Marcão e Manhoso. A equipe fará uma demonstração de capoeira, maculelê, dança de coco e puxada de rede. A Estação Cabo Branco funciona de terça-feira a domingo, das 9 às 17h. Para agendar visitações e mais informações, basta fazer contato pelo telefone 8860-0678.