Turistas cumprem novas regras de desembarque em Picãozinho

Por - em 37

O primeiro final de semana de visitação a Picãozinho após a assinatura do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), que limitou o número de desembarques na área próxima aos corais, foi considerado um sucesso pela equipe da Secretaria de Turismo de João Pessoa (Setur) responsável pela fiscalização no local. Apesar da redução no número de pessoas autorizadas a desembarcar nas piscinas naturais, os turistas aprovaram a medida e aguardaram nos barcos a hora de poder mergulhar no local, cumprindo a determinação que limita em 242 a quantidade de banhistas em Picãozinho.

Segundo a diretora de desenvolvimento institucional da Setur, Micheline Félix, que participou da fiscalização, a parceria com os donos de barcos foi fundamental para o êxito da ação. “Contamos com a ajuda dos proprietários de embarcações que orientaram os banhistas sobre a necessidade de revezamento entre os que ficavam nos barcos e os que podiam desembarcar. Cada visitante podia ficar na água por aproximadamente uma hora e depois voltava para o barco para que outro pudesse aproveitar as piscinas naturais também”, comentou.

A limitação do número diário de desembarques em Picãozinho foi um dos pontos definidos no Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado na tarde da última quarta-feira (13), durante reunião entre os órgãos federais, estaduais e municipais com representantes de empresas que comercializam esse tipo de serviço na orla de João Pessoa.