Tratamento da dor

Cendor deve realizar dois mil atendimentos mensais neste segundo semestre

23/07/2022 | 19:00 | 121

O Centro de Tratamento da Dor (Cendor), que funciona no Complexo Hospitalar de Mangabeira Governador Tarcísio Burity (Ortotrauma), elevou em 33,3% a meta mensal de atendimentos neste segundo semestre. O centro mantido pela Prefeitura de João Pessoa, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), estabeleceu que a nova meta passa de 1.500 para uma média de 2 mil atendimentos e reabilitações a cada mês.

De acordo com a coordenação de Fisioterapia do Cendor, neste mês de julho, a unidade já registra um aumento na produtividade em relação ao número de profissionais, tendo destaque para os setores de reumatologia, psicologia e equipe de medicina da dor. “Com esse incremento de novos profissionais nas equipes, conseguimos aumentar o número de procedimentos de bloqueio e infiltração no serviço, que são os casos mais refratários de dor, realizados no nosso bloco cirúrgico”, relatou Larissa Araújo, coordenadora de Fisioterapia.

“Estou iniciando meu tratamento aqui no Cendor e já sinto uma melhora, pois estou satisfeito com a fisioterapia que estou fazendo na minha mão direita, onde passei por cirurgia nos meus tendões para ver se recupero o movimento dos meus dedos”, revelou o paciente Júnior José, do bairro de Mangabeira VIII.

Encaminhamentos ao serviço – Os pacientes com casos de dor crônica devem ser encaminhados ao Cendor por meio das unidades de saúde da família (USF), passando pela regulação municipal até chegar ao atendimento na unidade especializada. Após essas etapas, a triagem interna do Cendor define o tipo de tratamento voltado a cada caso específico.

Pacientes do Complexo – Em relação ao fluxo de atendimento do Cendor relacionado aos pacientes que realizam cirurgias ortopédicas no Complexo Hospitalar de Mangabeira, eles são encaminhados pelos médicos para que realizem a reabilitação pós-operatória com os fisioterapeutas que, após triagem, realizam a terapia mais indicada para cada caso.

Tipos de atendimento – O Cendor é um centro de referência em reabilitação e oferece, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, um serviço aos pacientes em pós-operatório, de cirurgias ortopédicas realizadas no Ortotrauma de Mangabeira. O atendimento também contempla o tratamento da dor em pessoas acometidas por síndromes dolorosas crônicas.

Equipe e especialidades- A equipe multidisciplinar do Cendor é composta por médicos, fisioterapeutas, psicólogos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, além de colaboradores da área administrativa. As especialidades nos atendimentos são voltadas à medicina da dor, reumatologia, neurologia, psiquiatria e dermatologia. Na área de fisioterapia, são oferecidos serviços convencionais, a exemplo de analgesia e cinesioterapia, além de hidroterapia, osteopatia, RPG e pilates. O Cendor ainda dispõe de atendimento em acupuntura, psicoterapia e procedimentos de infiltração para os casos mais refratários.

Onde fica – O Cendor fica localizado na Rua Agente Fiscal José Costa Duarte, s/n, Mangabeira II (anexo ao Complexo Hospitalar de Mangabeira). O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Quem necessitar obter maiores informações, deve ligar para os números 3239-1221 ou 3239-3225.