Saúde

Samu de João Pessoa já realizou mais de 68 mil atendimentos neste ano

23/12/2020 | 14:00 | 1556

No acumulado de janeiro a novembro de 2020, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência Regional de João Pessoa (Samu-JP) realizou 68.255 atendimentos. Desse total de chamados, 56.090 foram atendimentos de socorro, 9.076 para orientações e 3.089 transferências.

Entre as principais ocorrências atendidas pelo Samu estão acidentes de trânsito, situações neurológicas, psiquiátricas, traumas (quedas) e cardiológicas. Também houve chamados para atender pacientes com sintomas mais graves de síndrome gripal, suspeitos e até confirmados com o novo coronavírus.

Desde o início da pandemia de covid-19, em março, até novembro, o Samu-JP atendeu 1.713 ocorrências para síndrome gripal. De acordo com a coordenadora-geral do Samu-JP, Erika Rivenna, “a maioria dos casos referentes a esse tipo de chamado é para atendimento de pessoas mais velhas, idosos, sobretudo acamados, que desenvolvem a forma mais grave da doença e precisam de uma assistência médica urgente”, explica.

Também são atendidas pelo serviço vítimas de desmaios com perda da consciência, mal súbito, problemas cardíacos e respiratórios de início súbito, convulsão, crises epilépticas, dor no tórax de origem súbita, pressão baixa ou alta, trabalho de parto com risco de morte para a mãe ou para o feto e problemas psiquiátricos em crise.

O Samu deve ser acionado também em casos de trauma com envolvimento de vítimas que apresentem sangramentos, hemorragias, intoxicações acidentais, engasgos, envenenamento e tentativas de suicídio, quedas, fraturas, queimaduras graves e acidentes de trânsito com vítimas.

Durante o socorro, o Samu atua em conjunto com o Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Militar, dependendo do tipo de chamado. Em casos de afogamentos, choques elétricos e em acidentes de trânsito com vítimas presas as ferragens, o Samu deve ser acionado em conjunto com os bombeiros pelo telefone 193.

Em casos de acidentados nas rodovias, o serviço deve ser acionado junto à Polícia Rodoviária Federal pelo número 191. E, quando se tratar de ferimentos por arma de fogo e arma branca, o serviço deve ser acionado em conjunto com a Polícia Militar 190.

Desde 2013 – De 2013 até novembro deste ano, o Serviço realizou 513.841 atendimentos, sendo 2014 o ano com mais ocorrências atendidas pelo serviço, totalizando 80.244.

Desde o início da gestão do atual prefeito Luciano Cartaxo foram entregues 32 ambulâncias e oito motolâncias para renovação de frota. Em 2019, o serviço teve 100% da frota de veículos renovada, o que garantiu mais agilidade no atendimento para a população.

A estrutura do Samu de João Pessoa é formada por um total de 13 unidades de atendimento móvel de urgência, sendo quatro unidades de suporte avançado (USA) e sete unidades de suporte básico (USB) para a Capital, além de duas USB distribuídas para Cabedelo e Bayeux.

A população conta, também, com sete motolâncias de suporte para os primeiros atendimentos e a Central de Regulação de Urgência (CRU), que realiza a regulação médica dos pacientes. O quantitativo total de veículos é o recomendado pelo Ministério da Saúde, de acordo com a população local.

  • Texto: Rebeka Paiva
    Edição: Thadeu Rodrigues
    Fotografia: Gilberto Firmino

  • Secretarias

    sms